Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quinta, 27 de Janeiro de 2022 - 11:05

'Tentando com o nacional, já que o estadual não quer conversa', diz Wagner sobre PDT

por Anderson Ramos / Erem Carla

'Tentando com o nacional, já que o estadual não quer conversa', diz Wagner sobre PDT
Foto: Anderson Ramos / Bahia Notícias

O senador e pré-candidato ao governo da Bahia, Jaques Wagner (PT), disse nesta quinta-feira (27), que está tentando conseguir o apoio do Partido Democrático Trabalhista (PDT) nacional, uma vez que a representação estadual do partido “não quer conversa com o PT”. 

 

“Acho que o PDT tem mais proximidade programática conosco do que com a União Brasil. Prometeu que ia apoiar o Ciro [Gomes], agora está dizendo que não vai apoiar mais ninguém, não estou entendendo o que é que o PDT vai fazer lá”, disse Wagner.

 

Em declarações recentes, o deputado federal e presidente do PDT na Bahia, Félix Mendonça Júnior, disse que os deputados que apoiarem Wagner "não têm condições de continuar no partido" (relembre aqui).

 

O senador ainda falou da reunião com Paulinho da Força (Solidariedade) (veja aqui) e disse que se o deputado federal decidir ir para o PT, será bem recebido. Quanto ao Partido Verde (PV) apoiar sua base, Wagner afirmou que se entrar na Federação, o partido estará com ele. 

 

Em contato com o Bahia Notícias, o deputado estadual Roberto Carlos, filiado ao PDT desde 1991, condicionou sua permanência a um eventual retorno do partido para a base do governador Rui Costa (PT) (veja aqui).

Histórico de Conteúdo