Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quarta, 03 de Novembro de 2021 - 21:06

'Expectativa é de que não seja aprovada', declara Solla sobre PEC dos Precatórios

por Felipe Dourado, de Brasília / Bruno Leite

'Expectativa é de que não seja aprovada', declara Solla sobre PEC dos Precatórios
Foto: Reprodução / Câmara dos Deputados

O deputado federal Jorge Solla (PT) disse esperar a não aprovação da PEC 23 (dos Precatórios) no plenário da Câmara. A apreciação do projeto está prevista para acontecer nesta quarta-feira (3).

 

"Estamos na expectativa de que não seja aprovada a PEC 23, do calote, porque ela é extremamente prejudicial para estados, municípios e até pessoas físicas e empresas que tiveram decisão judicial de recursos devidos programados para serem pagos e que o governo agora quer simplesmente não pagar essa conta e passar, efetivamente, o calote", disparou o parlamentar baiano ao Bahia Notícias. 

 

De acordo com Solla, apenas na educação baiana a perda deve ser de "mais de 10 bilhões de reais", "entre recursos que são devidos aos professores, devidos a municípios e estado para investir em infraestrutura e equipamentos". 

 

"É um prejuízo gigantesco. A educação brasileira não pode ter essa perda e isso não pode passar desapercebido", acrescentou Jorge Solla, que avalia a PEC como desnecessária para a implementação de projetos utilizados pelo governo como justificativa, a exemplo do Auxílio Brasil.

Histórico de Conteúdo