Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Por voto impresso, Bolsonaro fala em 'eleições limpas' e ataca pleito de 2022
Foto: Divulgação/Palácio do Planalto

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) renovou as ameaças contra o pleito eleitoral de 2022 na manhã desta quinta-feira (8). Há alguns meses o presidente tem, sem apresentar provas, feito comentário de fraudes nas eleições brasileiras, discurso pelo qual justifica a sua proposta de “voto impresso”, que ele caracteriza como “auditável”. 

 

"Eleições no ano que vem serão limpas. Ou fazemos eleições limpas no Brasil ou não temos eleições", disse Bolsonaro ao conversar com apoiadores em frente ao Palácio do Planalto. As imagens foram divulgadas pelo canal Foco do Brasil e reproduzido pelo UOL.

 

 

Pesquisas realizadas tem apontado o ex-presidente Lula à frente no que se refere às intenções de voto para o ano que vem, quando Bolsonaro deverá disputar a reeleição. 

 

Bolsonaro tem questionado a segurança das urnas eletrônicas, método pelo qual ele vinha sendo eleito desde 1996 como deputado e em 2018 para o maior cargo do Executivo brasileiro. 

 

Tramita no Congresso uma proposta que dialoga com o desejo do presidente. 

Histórico de Conteúdo