Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Colégio Antônio Vieira suspende aulas de mais uma turma após nova suspeita de Covid
Foto: Divulgação

Diante da identificação de um novo caso suspeito de Covid-19, o Colégio Antônio Vieira, que fica no bairro do Garcia, suspendeu as aulas de mais uma turma. Dessa vez, a suspeita é no grupo 2 da turma B, do 9º ano do Ensino Fundamental.

 

A medida foi confirmada pela assessoria da instituição de ensino ao Bahia Notícias, na manhã desta terça-feira (1º). Em nota, o Vieira ressalta que cumpre com "rigor" o protocolo de segurança adotado na escola e que, desde o início das aulas, não houve evidência de contaminação de alunos no ambiente escolar. No caso mais recente em questão, assim como em outros, a instituição disse ter sido avisada pela família.

 

"Todos os casos informados pelas famílias ao colégio estão sendo notificados ao Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS) e esses dados são abertos para a consulta. O colégio dispõe de um Setor Médico, que conta com a assessoria do infectologista Dr. Claudilson Bastos. Portanto, a cada caso notificado, o Vieira faz uma busca ativa no sentido de pesquisar se existe a possibilidade de a contaminação ter acontecido dentro da escola e, até o momento, não houve qualquer evidência nesse sentido", diz a nota.

 

A instituição acrescenta ainda que "tem investido em medidas para ampliar a segurança que, muitas vezes, vão até além das recomendações dos decretos e instruções normativas dos órgãos públicos". Como exemplo, eles citam a aquisição de máscaras PFF2 para colaboradores, adoção de aplicativo de trânsito escolar para evitar aglomerações na entrada e na saída dos alunos e convênio com o Hospital Santa Izabel para testagem de corpo docente e colaboradores que tenham contato com a turma do aluno afastado.

 

Além disso, em contato com o BN, a assessoria de comunicação frisou que essa não é a primeira vez que o colégio aciona o protocolo de suspensão. No último dia 13, por exemplo, o Antônio Vieira já havia adotado a medida (veja aqui). As aulas em modo semipresencial foram iniciadas há quase um mês, no dia 3 de maio.

Histórico de Conteúdo