Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Morre PM que foi baleado por colegas após surto no Farol da Barra
Foto: Alberto Maraux/ SSP-BA

O policial militar que teve um surto psicótico no Farol da Barra, na tarde deste domingo (28), morreu, segundo confirmado pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) ao Bahia Notícias. O óbito ocorreu no Hospital Geral do Estado (HGE), unidade de saúde para a qual ele foi levado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) após ter sido alvo de uma série de tiros disparados por colegas policiais.

 

Os militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) atiraram no agente depois que ele atirou com um fuzil contra a guarnição, por volta de 18h30, após cerca de 3h30 de negociação sem sucesso.

 

De acordo com o G1, o agente foi identificado como Wesley Góes. Durante o surto, ele esteve com o rosto pintado de verde e amarelo e disparou tiros para cima, chamando atenção de moradores da região e passantes (saiba mais aqui). (Atualizada às 7h11 para acrescentar a confirmação do óbito pela SSP-BA e mais informações)

Histórico de Conteúdo