Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Argentina diz que restringirá voos do Brasil, Chile e México
Foto: Reprodução / G1

A Argentina decidiu suspender voos do Brasil, Chile e México a partir deste sábado (27). A ação tenta conter a disseminação das linhagens diferentes do novo coronavírus entrem no país, enquanto se prepara para uma segunda onda de infecções.

 

O governo informou, na última quinta-feira (25), em comunicado, que as medidas, que incluem exames e isolamento obrigatório de cidadãos voltando de outras regiões, entrarão em vigor neste sábado.

 

"Até segunda ordem, voos rotineiros do Chile, Brasil e México serão suspensos", disse o comunicado. Uma diretriz semelhante para voos do Reino Unido já está em vigor.

 

A Argentina registra 2.278.115 casos de covid-19 e 55.092 mortes. O governo está preocupado com a situação no Brasil, que tem mais de 12 milhões de casos e supera 300 mil mortes.

Histórico de Conteúdo