Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Petrobras completa venda de campos terrestres no Espírito Santo
Foto: Reprodução / Poder 360

A Petrobras finalizou a venda da totalidade de sua participação nos campos terrestres do Polo Lagoa Parda, no Espírito Santo. Os campos foram comprados pela Imetame Energia, por US$ 10,85 milhões (cerca de R$ 60 milhões no câmbio atual).

 

O Polo Lagoa Parda é formado por três campos terrestres em produção: Lagoa Parda, Lagoa Parda Norte e Lagoa Piabanha. De acordo com a Agência Brasil, a produção média diária do polo, que antes da venda era 100% operado pela Petrobras, foi de 113,4 barris de óleo e 1,7 mil metros cúbicos de gás natural, de janeiro a agosto deste ano.

 

A venda dos campos é parte da política da estatal de melhorar sua alocação de capital e de investir mais os recursos em ativos de classe mundial em águas profundas e ultraprofundas.

 

REFINARIA NA BAHIA
Luiz Fux, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu retirar de análise o caso que analisa a possibilidade de privatização sem aprovação legislativa de refinarias pela Petrobras, incluindo a Refinaria Landulpho Alves, na Bahia. 

 

A retirada do processo do julgamento virtual ocorre após a Petrobras ter recebido três votos contrários às suas intenções de vender refinarias sem necessidade de aprovação do Congresso. As discussões ocorrem em momento em que a estatal tem processos avançados para venda de refinarias na Bahia e no Paraná. 

Histórico de Conteúdo