Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Segunda, 17 de Agosto de 2020 - 11:10

PL seguirá PDT em apoio a Bruno Reis: 'Caititu fora do bando é comida de onça'

por Lucas Arraz

PL seguirá PDT em apoio a Bruno Reis: 'Caititu fora do bando é comida de onça'
Foto: Paulo Victor Nadal / Bahia Notícias

Mesmo sendo um político com longa estrada, em poucas oportunidades o ex-deputado federal José Carlos Araújo (PL), atual presidente estadual do PL, pareceu tão franco sobre como se sente.

 

Em entrevista ao Bahia Notícias, Araújo revelou pela primeira vez que deve seguir o PDT em qualquer decisão que o partido tomar no estado. A legenda de Ciro Gomes (PDT) é a favorita para indicar a vice de Bruno Reis (DEM) na capital. “Caititu fora do bando é comida de onça”, definiu Araújo sobre o movimento.

 

Com negociações em andamento para integrar a base de ACM Neto na capital, o presidente do PL também abriu o que pensa sobre a articulação política mais distante que o governador Rui Costa (PT) adotou no segundo mandato. “O PL continua na base, embora o tratamento recebido não é o que esperávamos. O governador deve ter suas razões e entendemos. O que estamos fazendo é tocando a vida. O governador é um grande gestor, mas deixou a política à margem do processo”, disse. 

 

Sobre as eleições de 2020, o presidente comparou Rui a um técnico que tenta ganhar o jogo aos 45 do segundo tempo e disse que não pretende lançar um candidato a prefeitura de Salvador: “Procuramos o governador há mais de um ano para discutir a candidatura de Lázaro. Pedi interferência de Otto Alencar, mas o governador não se sensibilizou e não me recebeu. Agora entendo que perdemos o timing”. Clique aqui e leia a intrevista na íntegra.

Histórico de Conteúdo