Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Celular de Jaques Wagner é novamente clonado em ação criminosa
Foto: André Carvalho / Ag. Haack / Bahia Notícias

O senador Jaques Wagner (PT) teve novamente seu aplicativo WhatsApp clonado, informou a assessoria de imprensa nesta terça-feira (11). O golpe levou ao bloqueio temporário da linha telefônica do ex-governador. Em nota, a comunicação do senador declarou que as providências junto à operadora e às autoridades de segurança já foram tomadas.

 

Em maio, uma ação criminosa já tinha clonado o número de Wagner. Os autores aproveitaram da agenda telefônica do senador e pediram dinheiro emprestado, via transferência bancária, a amigos, familiares e outros contatos (leia aqui).

 

CUIDADOS COM O WHATAPP
Em época de crimes virtuais é importante sempre prestar atenção e ter calma ao responder mensagens de WhatsApp de um irmão ou amigo pedindo a transferência de dinheiro para uma situação urgente. Para evitar a clonagem de número, procure sempre ativar a verificação de dois fatores no aplicativo. 

Histórico de Conteúdo