Pazuello fica 'por muito tempo' no Ministério da Saúde, diz Bolsonaro
Foto: Agência Brasil

O general Eduardo Pazuello deverá permanecer no cargo de ministro interino da saúde “por muito tempo”, segundo o presidente da República, Jair Bolsonaro. 

 

O general assumiu o posto após o pedido de demissão de Nelson Teich. Como interino, Pazuello assinou o novo protocolo de uso da cloroquina no tratamento da Covid-19, motivo que derrubou os dois ministros anteriores. A eficácia da cloroquina não é comprovada cientificamente. 

 

O presidente informou ainda que  o general, que não tem formação na área de saúde, vai ser auxiliado no ministério por uma “equipe boa” de médicos.


Bolsonaro deu a declaração ao conversar com profissionais de limpeza urbana que trabalhavam em um trevo próximo ao Palácio da Alvorada, em Brasília, diz o G1. 

Histórico de Conteúdo