Governo de SP vai contratar 4,5 mil leitos da rede privada por R$ 594 milhões
Foto: Valter Camponato / Agência Brasil

Perto do colapso do sistema público de saúde, o governo de São Paulo vai contratar 4,5 mil leitos da rede de privada para auxiliar no tratamento de pacientes com Covid-19, de acordo com a Crusoé.

 

A operação custará algo em torno de R$ 594 milhões para os cofres da gestão estadual. Serão 3 mil leitos clínicos, ao custo de R$ 162 milhões, e 1,5 mil de UTI, que custarão R$ 432 milhões. Os leitos de UTI são indispensáveis para tratamentos de pacientes com sintomas fortes da doença.

 

Ainda de acordo com a publicação, a intenção do governo comandado por João Doria (PSDB) é ter todos os leitos disponíveis até o dia 11 de junho.

Histórico de Conteúdo