Segunda, 27 de Abril de 2020 - 22:20

PSD pode perder cadeira na Câmara caso deputado Charles seja cassado; entenda

por Mauricio Leiro

PSD pode perder cadeira na Câmara caso deputado Charles seja cassado; entenda
Foto: Reprodução / Câmara dos Deputados

Com o julgamento da cassação do mandato do deputado Charles Fernandes (PSD) acontecendo nesta terça-feira (28), seu partido pode perder a cadeira na Câmara dos deputados caso a denúncia seja aceita pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

 

O deputado Paulo Magalhães, suplente em exercício, sendo efetivado abre a vaga do suplente. A vaga fica com o ex-deputado estadual Manassés, que concorreu em 2018 ao mandato federal. Ele era do PSD do senador Otto Alencar, mas acabou de deixar o partido, podendo fazer a legenda perder a cadeira.

 

ENTENDA O PROCESSO
O deputado federal Charles Fernandes já foi julgado e está inelegível até 2024 por decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) (reveja aqui). Agora o outro processo tenta a cassação do mandato.

 

Charles é acusado de cometer abuso de poder político à época em que era prefeito de Guanambi, em 2016.

Histórico de Conteúdo