Terça, 14 de Janeiro de 2020 - 00:00

Governo paga R$ 65 milhões de subsídio ao metrô em 2019; valor pode dobrar neste ano

por Rodrigo Daniel Silva

Governo paga R$ 65 milhões de subsídio ao metrô em 2019; valor pode dobrar neste ano
Foto: Carla Ornelas/GOVBA

Para manter as operações do metrô em Salvador e em Lauro de Freitas, o governo da Bahia pagou, no ano passado, à concessionária CCR Metrô R$ 65 milhões, segundo dados solicitados pelo Bahia Notícias à Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur). De acordo com a pasta, o valor, neste ano, pode dobrar.

 

A projeção para 2020 é de R$ 121 milhões de subsídio, valor que leva em consideração o aumento da integração ônibus-metrô. Pelo contrato, a administração estadual é obrigada a pagar o subsídio quando a CCR não transporta um número mínimo de passageiros estabelecido no acordo. 

 

A tarifa do modal metroviária custa hoje R$ 3,70, e o governo não informou se haverá reajuste. No caso do ônibus na capital, que tem passagem de R$ 4, a prefeitura soteropolitana informou que não haverá aumento neste início do ano. Segundo o secretário municipal de Mobilidade (Semob), Fábio Mota, um dos itens que está em pauta é a participação dos empresários no que é arrecadado com as passagens dos transportes públicos. 

 

Atualmente, 60% da tarifa vão para o metrô e 40% para as empresas de ônibus, que querem ampliar a participação. "Há muito tempo que vem essa discussão. E a gente tem discutido com o Ministério Público", declarou o titular da Semob, em entrevista à reportagem. 

Histórico de Conteúdo