Sexta, 08 de Novembro de 2019 - 11:40

Pelegrino rechaça hipótese de que sua pré-candidatura será enterrada se assumir Sedur

por Rodrigo Daniel Silva

Pelegrino rechaça hipótese de que sua pré-candidatura será enterrada se assumir Sedur
Foto: Bahia Notícias

O deputado federal Nelson Pelegrino (PT) rechaçou a hipótese de que sua pré-candidatura a prefeito de Salvador será enterrada caso assuma a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur). Nos bastidores, a avaliação é de que o petista poderia causar mal-estar no governo ao ficar pouco tempo na pasta.

Para ser candidato a prefeito, Pelegrino teria que se descompatibilizar do cargo em abril do próximo ano e ficararia no comandado da Sedur por cerca de quatro meses. A pasta tem tido uma alta rotatividade. Se for confirmado como novo chefe da Sedur, Pelegrino será o quinto nos últimos três anos. Chefiaram a Sedur neste período: Fernando Torres, Jusmari Oliveira, Demir Oliveira e Sergio Brito, todos do PSD. 

Para Pelegrino, não há problema em se descompatibilizar em abril para entrar na corrida eleitoral. "É claro que seu assumir [a secretaria], eu vou falar com o governador. Não tem como passar uma estratégia sem dialogar com o governador. Estou muito tranquilo sobre isso", ressaltou.

Histórico de Conteúdo