Sob comando de Alex Lima, AL-BA terá reunião com Prisco para mediar 'greve da Aspra'
Foto: Reprodução / Instagram

Presidente interino da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), o deputado Alex Lima (PSB) está convocando deputados de oposição e de governo para uma reunião com o deputado estadual Soldado Prisco (PSC) nesta quinta-feira (10), às 17h. O encontro deve mediar o movimento de policiais paralisados da Associação dos Policiais e Bombeiros e de seus Familiares do Estado da Bahia (Aspra/Bahia), liderado por Prisco.  

 

“Se iniciou esse processo em que sugeri, ao lado do presidente Nelson Leal (PP), que a AL-BA fosse mediadora da situação que tem afetado a vida dos baianos. Vamos tentar estabelecer diálogo com o movimento do deputado para que ele termine o mais rápido possível”, disse Alex Lima. 

 

No Instagram, Prisco disse aos prantos que irá para a reunião e que o governo aceitou negociar com o movimento paredista sob sua liderança. A informação, no entanto, é imprecisa. A reunião na AL-BA não deve contar com representantes do governo do estado e muito menos servir como mesa de negociação com a categoria, como apurou o Bahia Notícias. “Nossa intenção é sentar com Prisco e ver como podemos ajudar”, descreveu Lima sobre o encontro de mediação. 

 

O governo do estado não reconhece que a Polícia Militar está em greve (veja aqui) e, nos bastidores, muitos agentes do poder Executivo estadual lembram que o governador não costuma negociar com categorias que estão paradas.  

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Marco Prisco (@soldadoprisco) em

 

Devem participar do encontro desta tarde deputados estaduais convocados por Alex Lima, além de membros da mesa diretora da Casa. “Será uma reunião suprapartidária com parlamentares do governo e da oposição. Esse assunto delicado não deve ser tratado como questão política”, disse o presidente interino. 

 

Líder do governo na AL-BA, o deputado estadual Rosemberg Pinto (PT) está em deslocamento para o município de Santa Inês e não deve participar da reunião. No entanto, o encontro já estaria acordado entre lideranças da AL-BA e mesa diretora. 

Histórico de Conteúdo