Terça, 21 de Maio de 2019 - 11:00

Aleluia e Cezar Leite entram em rota de colisão após críticas do MBL a Dayane Pimentel

por Rodrigo Daniel Silva

Aleluia e Cezar Leite entram em rota de  colisão após críticas do MBL a Dayane Pimentel
Foto: Bahia Notícias / Divulgação / Montagem

Os vereadores de Salvador, Alexandre Aleluia (DEM) e Cezar Leite (PSDB), entraram em rota de colisão após o líder do Movimento Brasil Livre na Bahia (MBL-BA), Siqueira Costa, criticar a deputada federal Dayane Pimentel (relembre aqui). 

Após a crítica de Siqueira, Aleluia saiu em defesa da parlamentar e disse que o MBL-BA está "perdendo o rumo" (relembre aqui). Depois disto, segundo o democrata, ele começou a receber cards com ataques do MBL e assessores ligados a Cezar Leite.

Nesta segunda-feira (20), Aleluia afirmou que ingressaria com ação criminal contra Siqueira Costa e representação no Conselho de Ética contra o vereador tucano e pediria a exoneração dos assessores. Por meio de nota, Leite afirmou que recebeu com "surpresa" a atitude do democrata, pois tem "relação cordial e compartilhamos de ideias semelhantes na política".

"Tal atitude foi divulgada pelo mesmo na imprensa, atitude que considero grave contra um parlamentar, pois esperava ser procurado para conversar e esclarecer as coisas", disse o tucano. Diz ainda que não acredita que terá o mandato cassado pela Câmara.

"O vereador ao se sentir atacado em sua honra, difamado, ou algo do tipo, tem o direito de entrar com processo por difamação na Justiça e aguardar o devido processo legal contra quem o difamou. Mas nós, que lutamos pela liberdade de expressão, não podemos calar ou censurar nenhum movimento ou força política, pois foi contando com a natureza dessas pessoas que militam e vão para ruas, que começamos a transformação do país", acrescentou Leite.

Histórico de Conteúdo