Polícia Federal abre investigação e intima candidata laranja do PSL para depor
Foto: Reprodução / EBC

A Polícia Federal intimou a candidata a deputada federal pelo PSL, Maria de Lourdes Paixão, para depor. Ela suspeita de ter sido laranja pelo partido do presidente da República nas eleições de 2018. Segundo apurado pela Folha de S. Paulo, Maria de Lourdes recebeu R$ 400 mil de dinheiro público no último pleito, quatro dias antes do dia da votação (leia aqui).

 

A candidata será ouvida pela PF em um procedimento de Registro Especial, mecanismo formal para obter informações antes mesmo da abertura do inquérito policial. O caso está sendo analisado pela Procuradoria Regional Eleitoral de Pernambuco. 

Histórico de Conteúdo