Terça, 22 de Janeiro de 2019 - 12:20

PT quer que Caetano seja aproveitado no governo Rui, mas petista pode ser barrado

por Rodrigo Daniel Silva

PT quer que Caetano seja aproveitado no governo Rui, mas petista pode ser barrado
Foto: Reprodução/ Facebook

O PT quer que o deputado federal Luiz Caetano seja aproveitado no segundo governo de Rui Costa (PT), mas o petista pode ser impedido de assumir o eventual cargo.

Caetano foi considerado inelegível pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), com base na Lei da Ficha, e não poderá assumir o mandato de deputado para o qual foi reeleito (veja aqui). Diante disto, o PT indicou o parlamentar para ser secretário estadual de Relações Institucionais (Serin), em lugar de Cibele Carvalho, ou chefe de gabinete.

No entanto, o pleito do PT pode não ser atendido, já que Caetano teve os direitos políticos suspensos por cinco anos. Entre esta terça-feira (22) e quarta-feira (23), o presidente da sigla, Everaldo Anunciação, deve se reunir com o governador para definir os espaços da legenda. A sigla já disse que deseja manter as sete pastas na gestão.

No entanto, especula-se que a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) fique com o PP, partido do vice-governador da Bahia, João Leão, apesar do desejo do PDT (lembre aqui). A secretaria incorporou alguns órgãos após a reforma de Rui, como a Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial (Sudic), que era do PP. 

Segundo aliados, Rui tem dito que mesmo sendo da cota pessoal dele, se um integrante do PT assumir uma secretaria, será considerado como participação da sigla no governo. Neste cenário, Jerônimo Rodrigues pode virar chefe da pasta de Educação, como cota pessoal e indicação do partido.

Também é dada como certa a ida do deputado federal Josias Gomes (PT) para a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR). 

Histórico de Conteúdo