Oposição protocola pedido de CPI na AL-BA e faz requerimento ao TCE sobre Fonte Nova
Foto: Divulgação

A bancada de oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) vai entregar nesta segunda-feira (5) um pedido de informações ao presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Gildásio Penedo, sobre a Parceria-Público-Privada (PPP) responsável pela reconstrução da Arena Fonte Nova, selada pelo consórcio Fonte Nova Participações, formado pelas empreiteiras Odebrecht e OAS. No requerimento, o grupo pede acesso a detalhes sobre o processo que corre na Corte de Contas em relação ao contrato. Em 2016, o TCE já havia apontado que a PPP é ilegal, após identificar sobrepreço de R$ 460 milhões no contrato (veja aqui). O bloco também vai entregar nesta segunda ao presidente da Casa, Angelo Coronel (PSD), o requerimento de abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar irregularidades na obra do estádio. O ato ocorrerá às 16h, no gabinete de Coronel. Com a assinatura do deputado estadual Samuel Júnior (PSC), a bancada obteve nesta segunda as 21 assinaturas necessárias para protocolar o pedido (leia aqui). 

Histórico de Conteúdo