Sábado, 03 de Março de 2018 - 10:00

João Leão nega aproximação com Neto e Ministério da Saúde por não ser ‘sonho’

por Bruno Luiz / Lucas Arraz

João Leão nega aproximação com Neto e Ministério da Saúde por não ser ‘sonho’
Foto: Bruno Luiz / Bahia Notícias

Usando um boné do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), O vice-governador da Bahia, João Leão (PP), justificou o porquê teria negado sua ida para o Ministério da Saúde. O pepista aproveitou a visita à inauguração da nova etapa da Linha Azul, que liga a Avenida Pinto de Aguiar à Avenida Gal Costa, neste sábado (3), para comentar o convite feito para assumir a pasta no lugar de Ricardo Barros (PP), que irá disuputar uma vaga na Câmara dos Deputados neste ano(leia aqui). “O Ministério da Saúde não é o meu sonho. Se fosse um convite para quatro anos de Ministério dos Transportes eu até iria me coçar para ir, pois é minha praia”, disse Leão sobre declinar a proposta que o deixaria fora da disputa pela reeleição na Bahia em 2018. Ao Bahia Notícias, o vice de Rui Costa (PT) também comentou que o convite para o ministério, feito pelo presidente nacional do PP, Ciro Nogueira (PI), pode ter sido uma tentativa de aproximá-lo da base de ACM Neto (DEM), que decide se irá sair candidato ao governo ainda este mês. “É possível que seja isso”, falou. “Mas agora eu não tenho interesse de fazer essa aproximação. Abandonar um grupo [do governador Rui Costa] que eu estou aliado seria uma ingratidão da minha parte e eu não sou ingrato”, declarou João Leão. 



Histórico de Conteúdo