Cartão Vermelho: PF cumpre mandados na Parceria Inteligente, no Itaigara
Foto: Reprodução / TV Bahia

Um dos endereços da Operação Cartão Vermelho, deflagrada na manhã desta segunda-feira (26) em Salvador, para apurar um esquema de corrupção envolvendo a demolição, construção e gestão da Arena Fonte Nova, é o escritório da Parceria Inteligente, situado na sala 337, no 3º andar do shopping Max Center, no Itaigara. De acordo com informações da TV Bahia, uma funcionária que informou trabalhar na limpeza do escritório está no local, mas resiste em entregar a chave à PF. Ao todo são sete mandados de busca e apreensão expedidos pelo Tribunal Regional Federal de 1ª Região (TRF1), cumpridos em órgãos públicos, empresas e endereços residenciais dos envolvidos em um esquema que envolve os crimes de fraude a licitação, superfaturamento, desvio de verbas públicas, corrupção e lavagem de dinheiro.

De acordo com a apuração da operação, batizada de Cartão Vermelho, a licitação que culminou com a Parceria Público Privada nº 02/2010 foi direcionada para beneficiar o consórcio Fonte Nova Participações (FNP), composto pelas empresas Odebrecht e OAS. De acordo com laudo pericial, a obra foi superfaturada em valores que podem chegar a mais R$ 450 milhões de reais após correção, sendo grande parte desviado para o pagamento de propina e o financiamento de campanhas eleitorais. 

Histórico de Conteúdo