Quarta, 07 de Junho de 2017 - 15:20

Com medalhistas olímpicos, governo lança edital para construir três centros de canoagem

por Guilherme Ferreira / Bruno Luiz

Com medalhistas olímpicos, governo lança edital para construir três centros de canoagem
Foto: Bruno Luiz / Bahia Notícias

O governo do estado lançou nesta quarta-feira (7) o edital para a construção de três centros de canoagem na Bahia. Dois deles ficarão em Ubaitaba e Ubatã, cidades-natal dos medalhistas olímpicos Isaquias Queiroz e Erlon Souza, respectivamente. O terceiro equipamento será instalado em Itacaré, cidade localizada na mesma região das outras duas. O investimento é estimado em R$ 3 milhões. A Confederação Brasileira de Canoagem vai doar 52 barcos à Bahia. Eles serão distribuídos entre os quatro núcleos do projeto de iniciação esportiva de Itacaré, Ubatã, Ubaitaba e Salvador. Os atletas baianos compareceram à cerimônia no Centro Administrativo da Bahia (CAB). "Pensei que a Canoagem ia acabar. Não dava mais 10 anos para a Canoagem, pelo tanto que a gente brigou e não conseguia. Mas a Olimpíada mostrou a importância de investir na Canoagem", afirmou Isaquias, único brasileiro a conquistar três medalhas em uma única edição dos Jogos Olímpicos. "Fico emocionado em falar que essas crianças conseguirão um dia ser atletas de grande rendimento. Tenho certeza que outros Erlons e Isaquias sairão daqui", comentou Erlon. Segundo o presidente da Confederação Brasileira de Canoagem, João Tomazini, ele está negociando com a Sudesb a implantação de outros núcleos de iniciação esportiva na Bahia.  O governador Rui Costa não compareceu ao evento por motivos de saúde.

Histórico de Conteúdo