Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Segunda, 13 de Julho de 2015 - 11:45

Águia de Haia: PF tem ‘certeza’ de corrupção de prefeitos e secretários

por Luiz Fernando Teixeira / Rebeca Menezes

Águia de Haia: PF tem ‘certeza’ de corrupção de prefeitos e secretários
Foto: Luiz Fernando Teixeira / Bahia Notícias
Os delegados federais Fernando Bebert e Fábio Muniz afirmaram, nesta segunda-feira (13), que têm “certeza” da participação dos prefeitos e secretários de Educação no esquema que desviava recursos do Fundeb – fundo de verba da educação. Durante coletiva realizada na sede da Superintendência da Polícia Federal em Salvador, os delegados informaram que foram cumpridos mandados de busca e apreensão em  25 são baianos. Na primeira fase da Operação Águia de Haia, foram identificados contratos fraudulentos que envolvem até R$ 57 milhões. “Os projetos licitatórios eram completamente fraudados, desde a licitação até o edital. Nós temos certeza da participação dos prefeitos, dos secretários de Educação e do pregoreiro”, disse Muniz. As investigações apontam que os contratos já chegavam “prontos” para serem assinados. O fluxo de dinheiro saía das prefeituras para as empresas, e então para os intermediários, que aliciavam as prefeituras. De acordo com o delegado, ainda não houve prisão efetivada de prefeitos ou parlamentares e, por causa do sigilo da operação, os nomes não serão divulgados. Os empresários presos moram na Bahia e Minas Gerais.

Histórico de Conteúdo