Sábado, 30 de Maio de 2015 - 18:00

Marcelo Nilo crava três opções para futuro: ficar no PDT ou migrar para PSD ou PL

por Luiz Fernando Teixeira

Marcelo Nilo crava três opções para futuro: ficar no PDT ou migrar para PSD ou PL
Foto: Mariele Góes / Bahia Notícias
O presidente da Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (AL-BA), Marcelo Nilo (PDT), pode sair da sigla na próxima semana. Ao Bahia Notícias, o deputado confirmou que teve conversas com o presidente nacional do partido, Carlos Lupi, e que deve definir seu futuro dentro de oito dias. “Estou analisando o quadro. Falou com Lupi e com a senadora Lídice da Mata (PSB). Falei também com [o ministro das Cidades, Gilberto] Kassab e [o senador] Otto Alencar”, declarou o parlamentar. Nilo declarou que tem três opções ao ser perguntado se a conversa com os caciques do PSD significaria que a mudança seria para o partido aliado da presidente Dilma Rousseff (PT): ficar no PDT, ir para o PSD ou então integrar os quadros do “partido novo, o PL”. Anteriormente, em sua conta no Twitter, o presidente da AL-BA rechaçou uma ida para o PT em conversa com o também deputado Carlos Geilson (PTN) e riu da suposição do colega de Casa Legislativa sobre uma volta para o PSDB, seu antigo partido antes do PDT. “Voltar ao ninho tucano? MN pra onde for leva um grupo forte, capitaneado p dep Euclides Fernandes.Tapete vermelho na oposição [sic]”, escreveu Geilson. Nilo afirmou ainda ao Bahia Notícias que sua provável saída do PDT “não tem nada a ver com disputas” pela presidência estadual da sigla com o deputado federal Félix Jr., mas sim com a aproximação do partido com a oposição ao governo federal. 

Histórico de Conteúdo