Terça, 03 de Fevereiro de 2015 - 15:00

Rui foca em Educação, Saúde e Segurança em 1ª abertura do ano legislativo como governador

por Luiz Fernando Teixeira

Rui foca em Educação, Saúde e Segurança em 1ª abertura do ano legislativo como governador
Fotos: Manu Dias/GOVBA
Há pouco mais de um mês no governo do estado, Rui Costa (PT) reafirmou promessas e fez outras durante o seu discurso na mensagem do legislativo para a Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), nesta terça-feira (3). Principalmente para os três eixos considerados por ele como prioritários para a sua gestão dos próximos quatro anos: Educação, Saúde e Segurança Pública. Antes, contudo, ele deixou claro que precisa da ajuda dos deputados para conseguir melhorar a Bahia, independente dos partidos políticos – aviso feito aos parlamentares após clima tenso entre a bancada petista e a presidência da AL-BA. Dentre as promessas para a Segurança, está o compromisso de construção de uma polícia cidadã através da interação, colaboração e orquestração das polícias Civil e Militar e a abertura de um edital para que dois mil reservistas da corporação voltem à ativa em cargos administrativos para que “os policiais voltem às ruas”. Com essa medida, a convocação dos que passaram nos concursos da PM e a reestruturação da tropa (através de medidas como a redução na concessão de PMs para órgãos do governo), o governador espera que quatro mil policiais reforcem a segurança dos baianos.  Rui Costa também mencionou o desejo de implantar uma “Vara-Crime” especializada em crime organizado e que convocou os presidentes dos bancos para que eles colaborem com o governo de forma a reduzir o arrombamento de agências no interior da Bahia. “Vamos solicitar a colaboração deles para monitorar câmeras de televisão onde houver bancos, para termos provas da ação dos bandidos”, disse Rui. Além disso, o governador se comprometeu a instalar duas novas bases do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer) no interior: a base de Lençóis e a base do Oeste, de forma que a polícia possa monitorar a ação dos criminosos com mais eficácia e diminuir sua rota de fuga.

 
Pacto pela Educação deve ser apresentado após o Carnaval | Foto: Reprodução

O petista reforçou sua intenção de priorizar a educação em sua gestão, através do Pacto da Educação, que deve estar concluído até março e já está sob responsabilidade do secretário da pasta, Osvaldo Barreto. Rui repetiu compromissos que havia feito quando da visita do ministro da Educação à Salvador, Cid Gomes (PROS), como o aumento do adicional a professores e um concurso para a área. O governador também falou da implantação do “Programa Primeiro Estágio”, em parceria com a iniciativa privada, para abrir portas para estudantes da rede pública de ensino no mercado de trabalho e da busca da implantação de internet de banda larga em todas as escolas da rede.

 
HGE 2 está programado para inauguração em 2015 | Foto: Divulação/ Sesab

Em relação à Saúde, Rui afirmou que um dos maiores desafios será consolidar o SUS, já que um dos maiores limitadores para o sistema é o limite do financiamento. Ainda assim, o governador pretende empreender uma integração digital da estrutura do sistema. O petista ainda falou sobre recursos de R$ 285 milhões que serão investidos na rede do SUS na Região Metropolitana de Salvador, oriundos de empréstimos consolidados. Ainda em fevereiro, o governador deve dar a ordem de serviço para a construção do novo Hospital Regional da Costa do Cacau e iniciar as obras do novo Hospital de Feira de Santana e da Maternidade de Camaçari, além da implantação da Unidade de Oncologia do Hospital Regional de Juazeiro. Em 2015 também devem ser inaugurados a fase 2 do Hospital Geral do Estado, do Hospital da Chapada, em Seabra, e do Hospital São Jorge, no Largo de Roma, em Salvador. As Unidades de Pronto Atendimento de Feira de Santana, Vitória da Conquista e Barreiras serão entregues à população e as obras do novo Instituto Couto Maia já estão em andamento.

 
Ordem de serviços da linha 2 do metrô será assinada na quinta (5)

No que diz respeito à mobilidade, Rui prometeu a conclusão do Tramo 2 do Metrô (até Pirajá) até junho, seguida pelo início da construção do Tramo 3, até Águas Claras, e da Linha 2 do Metrô – da estação Acesso Norte até Lauro de Freitas, cuja assinatura da ordem de serviços acontece na quinta (5). Então, o governador relembrou promessas de campanha, como a construção do VLT de Paripe até o Comércio seguido da construção de um túnel do final da linha até a Estação da Lapa, e a duplicação das avenidas Gal Costa e 29 de Março.

Histórico de Conteúdo