Coordenadores de campanha de presidenciáveis falam sobre crescimento sustentável
Fotos: Fredy Uehara / Uehara Fotografia
Os coordenadores dos programas de governo dos candidatos Eduardo Campos (PSB) e Aécio Neves (PSDB), Maurício Rands e Wilson Brumer, respectivamente, apresentaram suas propostas para o crescimento sustentável do país, baseadas em reforma tributária e simplificação do sistema, nesta terça-feira (5), durante seminário promovido pelo LIDE (Grupo de Líderes Empresariais). “Precisamos fundar uma nova maneira de fazer política. Esse é um dos compromissos da nossa pasta, que busca renovação e mudanças no funcionamento do Estado”, afirmou Rands. Como Campos, ele defendeu a autonomia do Banco Central através de um projeto de lei e uma reformulação tributária focada na simplificação e na desoneração dos investimentos para que a macroeconomia funcione melhor. Já Brumer afirmou que o Brasil investe menos que outros países em desenvolvimento e concentra a maior parte do transporte no setor rodoviário. “Em uma lista com 17 países, o Brasil está em último lugar, com apenas 0,29% do PIB brasileiro investindo no setor”, revelou. O coordenador da campanha de Aécio Neves é a favor da adoção de medidas instantâneas para melhorar a economia nacional, tais quais: repensar a tributação sobre novos investimentos, modernização da indústria, reconhecer a necessidade dos recursos privados como parte importante do financiamento da infraestrutura, redução da carga tributária sobre exportações, dentre outras.

Histórico de Conteúdo