Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Recuperação do Plano Inclinado Pilar deve custar R$ 1 milhão
Foto: Blog Ver Além do Carmo
A Secretaria Municipal de Urbanismo e Transporte (Semut) recebeu nesta sexta-feira (11) duas propostas para o processo licitatório de recuperação do Plano Inclinado Pilar, que liga o Santo Antônio ao Comércio: uma da Otis Elevadores, que executou a reforma do Plano Inclinado Gonçalves, e uma da Alfa Elevadores, que deve entregar em agosto o Plano Inclinado Liberdade-Calçada . Segundo o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller,  em entrevista ao jornal Correio, a expectativa era de receber entre duas ou três propostas por se tratar de um serviço específico: o equipamento está fora de operação desde o início do ano passado por falhas mecânicas e ausência dos freios de emergência. O gestor ainda estima que os reparos devem custar R$ 1 milhão, mas espera reduzir esse valor por meio da concorrência. Conforme o prazo estipulado pela prefeitura, a divulgação da vencedora deve ser realizada na próxima quarta-feira (16) e após a homologação, a empresa terá 150 dias para concluir os trabalhos. Não está previsto aumento da tarifa de R$ 0,15.

Histórico de Conteúdo