PR pode trocar Dilma por Aécio, diz colunista; César Borges pode ser desfiliado se não seguir partido
Foto: Antônio Cruz/ABr
Integrante da base aliada do PT desde 2002, o PR pode apoiar a candidatura do pré-candidato à Presidência da República Aécio Neves (PSDB), segundo o colunista Felipe Patury, da revista Época. Ainda de acordo com a coluna, os 32 deputados e quatro senadores da legenda não se sentem representados no governo da presidente Dilma Rousseff e consideram até a possibilidade de desfiliar o ministro dos Transportes, César Borges, caso ele não siga o partido e mantenha o apoio a Dilma. Na última terça, o ministro baiano, ex-presidente estadual da legenda, disse não reconhecer na sigla um movimento do "Volta, Lula". A tendência de mudança do PR é verificada em 14 estados, diz Patury.

Histórico de Conteúdo