Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Após denúncia, Leo Prates quer informações sobre jetons de conselheiros estaduais
Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
O líder do DEM na Câmara Municipal de Salvador, vereador Léo Prates, informou, neste domingo (4), que pedirá ao governo do Estado o valor dos jetons dos membros dos Conselhos de Administração e Fiscal das empresas públicas ligadas ao governo estadual. Para fazer a solicitação, o vereador usará como base a Lei de Acesso à Informação (12.527-11), assim como fez o jornal Folha de São Paulo que divulgou, neste sábado (3), que a gestão do prefeito ACM Neto dobrou o benefício para os conselheiros municipais. “Vamos solicitar, além do valor dos jetons, qual o número de Conselhos Fiscais e Administrativos que existem nas empresas ligadas ao Governo do Estado da Bahia; e também os nomes dos conselheiros”, afirma o vereador. Após a denúncia da Folha, a vereadora Vania Galvão (PT) também se manifestou. Ela disse que solicitará à prefeitura de Salvador, nesta segunda-feira (5), a lista dos membros dos Conselhos de Administração e Fiscal da Desal, Cogel, Saltur e Limpurb, que tiveram jetons aumentados pelo prefeito ACM Neto.

Histórico de Conteúdo