Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Marca Bahia Notícias
Você está em:
/
Notícia
/
Geral

Notícia

Trotes chegam a 40% das ligações recebidas pela Codesal

Trotes chegam a 40% das ligações recebidas pela Codesal
Das ligações que a Defesa Civil de Salvador (Codesal) recebe diariamente pelo telefone 199, cerca de 40% são trotes. A atitude resulta em uma série de problemas para o órgão, que, muitas vezes, desloca equipes inteiras para atender aos falsos chamados. Para minimizar os danos, a Codesal tem adotado medidas para coibir os trotes, que são crimes previstos no Código Penal Brasileiro, com pena de até três anos reclusão para o culpado. “Os trotes representam perda de tempo, de dinheiro para o órgão e um grande prejuízo para a população, que pode ficar sem atendimento necessário. No período das chuvas, o percentual de trotes reduz um pouco, ficando em 34%. Mas isso só porque as linhas ficam muito congestionadas", explica o diretor-geral da Codesal, Álvaro da Silveira Filho. Ele diz que, mesmo com a maioria das ligações proveniente de telefones públicos, em alguns casos, é possível localizar o autor. De acordo com o diretor-geral, os casos identificados são encaminhados à polícia, já que o trote é crime previsto no artigo 266 do Código Penal. “O que queremos é que a população entenda os trotes são causam problemas, especialmente para as pessoas que mais precisam do serviço da defesa Civil”, coloca o gestor.