Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Marca Bahia Notícias
Você está em:
/
Notícia
/
Política

Notícia

Bahia pode ter universidade da ONU

Em reunião realizada nesta segunda-feira (17), no Supremo Tribunal Federal (STF), em Brasília, entre o grupo interinstitucional formado para apresentar a proposta de criação da Universidade Mundial de Segurança e Desenvolvimento Social, da Organização das Nações Unidas, na Bahia, e o chefe de gabinete do presidente da Corte, Joaquim Barbosa, ministro Silvio Albuquerque, ficou decida a convocação de uma audiência pública na primeira quinzena de agosto, no Senado, para discutir a implantação da universidade da ONU na Bahia. A ONU quer discutir até 2015  os objetivos de desenvolvimento sustentável, que inclui a segurança e desenvolvimento social entre eles. “O governo da Bahia tem interesse na criação da Universidade da ONU na Bahia, com amplitude mundial, que vai  oferecer novos subsídios para políticas públicas de segurança articuladas com o desenvolvimento social, principal objetivo do programa Pacto Pela Vida, do governo Wagner”, afirmou o secretário de Relações Internacionais e da Agenda Bahia, Fernando Schmidt. Segundo ele, o projeto da Universidade projetará ainda mais a Bahia no cenário nacional e internacional de forma integrada com os três poderes. O ministro Silvio Albuquerque afirmou que o projeto avançou porque envolveu os três poderes.  Além de Schmidt, participam do grupo interinstitucional, promotor de justiça, Geder Gomes, ex-reitor da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Naomar Almeida, diretor da Faculdade de Direito da Ufba, professor Celso Castro, especialistas e professores.