Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Candeias: Arraiá do Aconchego atrai mais de 70 mil pessoas em 4 dias de festa
Foto: Divulgação

O Arraiá do Aconchego no município de Candeias, região metropolitana de Salvador, aconteceu do dia 23 a 26 de junho e atraiu mais de 70 mil pessoas em 4 dias de festa. Realizado num novo espaço, com área de aproximadamente 12 metros quadrados, o local ofereceu conforto, segurança e bem estar para quem foi prestigiar o evento. Passaram pelo palco principal do Arraiá grandes nomes da música nacional como: Tarcísio do Acordeon, Falamansa, Bell Marques, Saia Rodada, Léo Santana, Mateus e Kauan, Zé Vaqueiro, Jeanne Lima, Silvanno Salles, Del Feliz, Chicana e Gigantes Prime.


Neste domingo (26), último dia de festa, o público mais uma vez compareceu em peso para curtir até a última banda, que encerrou sua apresentação por volta das 04h da manhã desta segunda-feira (27). Se apresentaram as seguintes atrações: Chicana; Zé 21 e Forró do Manda; o forrozeiro Del Feliz; a banda sergipana Gigantes Prime; a grande atração da noite, o cantor apaixonado Silvano Sales; Dilsinho Santana e fechou o arraiá, Ardente Paixão.


O prefeito Pitágoras Ibiapina fez o balanço da festa e disse que está muito feliz e satisfeito com o resultado. “Foi tudo muito lindo, recebi vários comentários positivos sobre a festa e isso só aumenta nossa responsabilidade sobre esse evento. Outro ponto importante foi o fomento do nosso comércio, pois montamos uma grande estrutura para nossos vendedores ambulantes, além de anteciparmos o salário do servidor, injetando pouco mais de R$ 16 milhões no comércio local”, pontuou. A estrutura dita pelo prefeito teve o nome de Vila Junina (praça de alimentação), onde contou com espaço reservado e boa parte dela coberta com toldos. Na área tinha food trucks, barracas fixas, carrinhos de pipoca, baleiros, entre outros. Além das áreas devidamente demarcadas nas laterais da festa para os vendedores de bebidas em isopor. De acordo com a Secretaria de Emprego e Renda do município, aproximadamente 265 vendedores foram atuaram no local.


Durante toda a festa, a Polícia Militar não registrou ocorrências mais graves, inclusive, a festa deste ano contou com câmeras de reconhecimento facial e estratégia operacional em todo perímetro do evento, tanto na parte interna, quanto nos arredores. Da mesma forma, o posto médico instalado no local do evento. De acordo com as equipes da saúde, os principais atendimentos foram por excesso de álcool e suturas pós brigas.  A Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social, em parceria com o Conselho Tutelar, também atuou na festa no combate ao trabalho infantil e também no processo de identificação dos menores de idades presentes.

Histórico de Conteúdo