Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Porto Seguro: Vigilância fecha fábrica clandestina de cosméticos em Caraíva
Foto: Leitor BN / WhatsApp

Uma fábrica clandestina de cosméticos foi interditada no distrito de Caraíva, em Porto Seguro. A Gahyia - de propriedade de Daniel Balgater - o “Francês” produzia desde shampoos, condicionadores e sabonetes a repelentes, protetores solar, óleos, perfumes, entre outros. Os itens não tinham registro da Anvisa [Agência Nacional de Vigilância Sanitária] ou outro órgão competente.

 

Nos rótulos não havia ainda informações sobre as substâncias usadas nem orientações de uso. A interdição ocorreu na tarde desta segunda-feira (23) em uma ação da Vigilância Sanitária de Porto Seguro. Milhares de produtos que estavam no local foram apreendidos.

 

Foto: Leitor BN / WhatsApp

 

Com o flagrante, o proprietário pode responder pelo crime de pôr em risco a saúde pública, conforme Lei Federal 6437/77. Ainda segundo informações, os responsáveis pela produção e venda dos produtos também serão multados.

 

Produtos químicos sem registro podem causar uma série de problemas para a saúde, como alergias e queimaduras graves. A Procuradoria do município deve acionar a Justiça para punição dos envolvidos.

Histórico de Conteúdo