Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Feira: Agricultores esperam maior volume de chuva para garantir produção
Plantação de milho / Foto: Pixabay/Imagem ilustrativa

A zona rural de Feira de Santana não recebeu ainda a quantidade de chuvas suficientes para o plantio. A expectativa é que a partir deste mês as precipitações ocorram com mais volume. Ao Acorda Cidade, a presidente do sindicato dos trabalhadores rurais do município, Conceição Borges, disse que as chuvas deste ano foram importantes para fazer aguadas e garantir a pastagem para os animais.

 

Porém, para que os moradores tenham produção satisfatória, é preciso que haja chuva até setembro. A partir de agora, a prioridade do plantio é para o cultivo de feijão, milho, mandioca e aipim. Além das chuvas, outra preocupação do sindicato é a dificuldade para vender os produtos.

 

Desde o início da pandemia, os agricultores têm dificuldade de escoar a produção. 

Histórico de Conteúdo