Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quarta, 28 de Abril de 2021 - 07:40

Toque de recolher é estendido até 12 de maio em 24 cidades do Oeste baiano

por Francis Juliano

Toque de recolher é estendido até 12 de maio em 24 cidades do Oeste baiano
Luís Eduardo Magalhães / Foto: Augusto Isense / Correio

Vinte e quatro municípios do Oeste e Extremo Oeste baiano vão seguir em toque de recolher das 20h às 5h. A medida – tomada em decreto do Estado desta terça-feira (27) – vai até o dia 12 de maio. Número de casos confirmados da Covid-19, assim como de óbitos e de taxa de internações por conta da doença foram determinantes para o prolongamento do decreto na região. Durante o toque de recolher nessas 24 cidades, os estabelecimentos comerciais e de serviços devem encerrar as atividades meia hora antes do definido.

 

O objetivo é fazer com que os trabalhadores possam chegar até as casas deles dentro do horário estabelecido. No caso de bares e restaurantes, esses podem funcionar até as 19h, sendo que o serviço pode continuar até a zero hora na forma de entrega em domicílio. Ficam fora das restrições os serviços de transporte, limpeza e manutenção urbana, farmácias e transporte privado de passageiros.

 

Ainda segundo o decreto, no final de semana será proibida a venda de bebidas alcóolicas. O decreto vale nos municípios de:  Angical, Baianópolis, Barra, Barreiras, Brejolândia, Brotas de Macaúbas, Buritirama, Catolândia, Cotegipe, Cristópolis, Formosa do Rio Preto, Ibotirama e Ipupiara.

 

Além de Luís Eduardo Magalhães, Mansidão, Morpará, Muquém do São Francisco, Oliveira dos Brejinhos, Paratinga, Riachão das Neves, Santa Rita de Cássia, São Desidério, Tabocas do Brejo Velho e Wanderley.

Histórico de Conteúdo