Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Madre de Deus: Prefeitura veta acesso à cidade e proíbe sonorização em espaço público
Foto: Reprodução / JFP Paranaguá

A prefeitura de Madre de Deus, na Região Metropolitana de Salvador (RMS) proibiu o acesso de veículo e pessoas não residentes até o dia 5 de janeiro. A medida foi divulgada em decreto desta quinta-feira (24). Segundo a prefeitura, uma das razões é o aumento significativo do número de casos de coronavírus na cidade. Até esta quarta-feira (23), Madre de Deus já acumulava 1.389 casos confirmados de Covid-19 com 21 óbitos provocados pela doença.

 

No decreto, a prefeitura também vetou qualquer evento no período do réveillon. No caso de barracas de praias, ficou estabelecido que cada espaço terá cinco mesas na faixa de areia, e bares e restaurantes só poderão funcionar até as 18h. Igrejas e templos religiosos devem seguir o atual decreto de restrições específicas. Está também proibido o uso de carros com som ou aparelhos similares nos espaços públicos, além de qualquer sonorização em bares, restaurantes e barracas de praia.

 

Quanto ao acesso à cidade, a exceção fica para casos de necessidade de saúde, justiça, assistência a idosos, pessoas com deficiência, serviço de imprensa e trabalho, entre outros. Também será permitida a entrada para pessoas que têm casa na cidade e se deslocam para outros municípios, a chamada população flutuante.

Histórico de Conteúdo