Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Região de Ilhéus e Itabuna concentra 43% dos casos confirmados de Covid-19 no interior
Hospital Regional Costa do Cacau, em Ilhéus (Foto: Elói Corrêa / GOVBA)

O território de identidade Litoral Sul tem se estabelecido com o principal foco da pandemia do novo coronavírus no interior do estado. Apenas cinco dos 26 municípios da região não possuem casos confirmados de Covid-19 até o momento, conforme dados divulgados nesta quarta-feira (29) pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesab).

 

Dentre os 1.037 casos confirmados da doença no interior do estado, 447 foram registrados no território do Litoral Sul, o que representa aproximadamente 43% do total. A região famosa pela produção de cacau também se destaca no número de mortes causadas pela Covid-19: 12 dos 38 óbitos ocorridos no interior baiano, quase 32% do todo.

 

Os quatro municípios baianos com maior incidência de contaminação por 1 milhão de habitantes ficam na região: Ilhéus, com 1.188,96 a cada milhão; Uruçuca, com 1.023,44; Itabuna, com 769,15; e Coaraci, com 765,02.

 

Em números absolutos, Ilhéus, com 193 casos, e Itabuna, com 164, só ficam atrás de Salvador no estado. Também para efeito de comparação, Feira de Santana, maior cidade do interior, com população maior que a soma dos habitantes de Ilhéus e Itabuna, registrou “apenas” 86 confirmações da Covid-19.

 

De todas as 26 cidades do Litoral Sul, apenas Itaju do Colônia, Itapitanga, Jussari, Mascote e Pau Brasil não possuem quaisquer registro do novo coronavírus até o momento. Os cinco municípios possuem populações inferiores a 15 mil pessoas, segundo dados do último censo do IBGE, o que pode justificar ainda não terem sido alcançados pela pandemia.

 

A situação da região cacaueira preocupa o governo do estado. Nesta quarta (29), o governador Rui Costa anunciou que pediu ajuda do Exército Brasileiro e da Marinha do Brasil para conter aglomerações em Ilhéus e Itabuna, os maiores municípios do Litoral Sul (veja aqui).

 

Além disso, Rui já havia considerado a possibilidade de impor um “lockdown” apenas na região, fechando o comércio e impedindo as pessoas de deixarem suas casas, caso os números de contaminação pelo novo coronavírus não diminuíssem (veja aqui).

 

LEITOS

Procurado pelo Bahia Notícias, o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas, explicou o planejamento de leitos do governo do estado para a região.

 

Segundo ele, em Ilhéus, serão 48 leitos de UTI e 30 leitos de enfermaria no Hospital Regional Costa do Cacau, além de outros 20 leitos de UTI no Hospital de Ilhéus (privado) e 10 leitos no Hospital Vida Memorial. O Centro de Convenções do município está sendo utilizado para triagem.

 

Em Itabuna, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) fará a triagem, enquanto o Hospital de Base oferecerá 30 leitos de UTI. O Hospital Calixto Midlej, da Santa Casa de Misericórdia, possui contrato com a Sesab para oferecer outros 10 leitos. 

Histórico de Conteúdo