Quarta, 20 de Dezembro de 2017 - 13:40

Remanso: Presos na 'Carro Fantasma', ex-prefeito e presidente da Câmara são soltos

por Francis Juliano

Remanso: Presos na 'Carro Fantasma', ex-prefeito e presidente da Câmara são soltos
Foto: Reprodução / Blog do Geraldo José

Uma decisão concedeu liberdade provisória ao ex-prefeito de Remanso, no Sertão do São Francisco, Celso Silva e Souza. O ex-gestor foi preso na Operação Carro Fantasma, deflagrada em 21 de novembro pelo Ministério Público do Estado (MP-BA) (lembre aqui). A informação sobre a liberdade provisória foi confirmada nesta quarta-feira (20) ao Bahia Notícias pela assessoria do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Conforme a sentença – proferida pela Vara dos Feitos Relativos a Delitos Praticados por Organização Criminosa – a medida também favorece o atual presidente da Câmara de Vereadores, Cândido Francelino de Almeida, e um empresário, José Mário da Conceição, o Mazinho. Quando deflagrada, a operação prendeu seis vereadores. Em seguida, o MP pediu a cassação dos mandatos dos edis e suplentes (ver aqui), posição não seguida pela Câmera que votou pela manutenção dos mandatos (clique aqui). Conforme a Operação, seis vereadores [junto com dois suplentes], além de funcionários públicos, são acusados de organização criminosa e peculato. Conforme o MP, o grupo fraudava contratos e licitações no período de 2013 até 2016, na gestão de Celso Silva e Souza. A estimativa é que os desvios sejam da ordem de R$ 13 milhões. Ainda segundo o MP, os contratos eram feitos através da empresa JMC Construtora, Comércio e Serviços Ltda, que tem como sócio-administrador o empresário José Mário da Conceição. Os promotores de Justiça afirmam que o dinheiro da prefeitura foi usado para gastos particulares, dívidas de campanha e compra de apoio político.

Histórico de Conteúdo