Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Terça, 11 de Agosto de 2015 - 20:20

Líder do PT elogia postura de Renan, mas diz que há questões 'inegociáveis'

por Isadora Peron | Estadão Conteúdo

Líder do PT elogia postura de Renan, mas diz que há questões 'inegociáveis'
Foto: Geraldo Magela/ Agência Senado
O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), elogiou a postura do presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), de apresentar propostas para estimular o País voltar a crescer, mas afirmou que há questões que são inegociáveis para o PT. "Foi uma boa iniciativa, muito melhor do que se o Senado estivesse aqui discutindo interesses corporativos ou pautas-bomba, mas obviamente que há pontos que não são negociáveis", disse o líder petista, em uma crítica à pauta que vem sendo adotada pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Como pontos inegociáveis, o petista citou como exemplo a proposta de passar a cobrar por serviços do SUS, a simplificação dos processos de licenciamento ambiental e o debate que envolve a propriedade de terras indígenas. Segundo Costa, se as discussões sobre esses temas avançarem, vai acontecer uma "divisão política" que é "natural" dentro do parlamento. A agenda apresentada por Renan na segunda-feira tem, por enquanto, 27 itens. Mais cedo, o presidente do Senado afirmou que ainda iria acrescentar outras propostas ao documento.

Histórico de Conteúdo