Terça, 18 de Junho de 2019 - 19:50

Salvador recebe edição do Festival Afropunk em 2020

Salvador recebe edição do Festival Afropunk em 2020
Foto: Divulgação

O Afropunk Festival, um dos maiores festivais de cultura negra do mundo, ganhará uma edição em Salvador em 2020. O cantor Fióti, irmão do rapper Emicida foi o responsável por compartilhar esta informação em sua conta do Twitter. Ainda não se sabe mais detalhes do evento na capital baiana. 

 

De acordo com informações do site Correio, o Afropunk acontece desde 2005 no Brooklyn, em Nova York. Mas já teve edições em Londres, Paris, Atlanta e Joanesburgo. O evento além de ser reconhecido pela sua grade de artistas é também referência por promover a liberdade e ser um transformador social. Ele contempla arte, moda, empreendedorismo negro e economia criativa. 

 

 

 

Sobre a relação do Afropunk com o Brasil, principalmente com Salvador, se estreitou no início de 2019 quando o co-fundador do evento Matthew Morgan acompanhou o Carnaval da cidade. Nessa ocasião, ele conheceu de perto o Batekoo, festa criada no Rio Vermelho há cinco anos.

 

O Batekoo foi criado durante uma festa de despedida e para um dos seus organizadores, o jornalista, DJ e produtor Wesley Miranda e para o produtor e designer Mauricio Sacramento aquela ocasião foi a oportunidade certa para colocar em pratica um projeto que já estava sendo planejado: realizar uma festa feita por pessoas negras e para elas. Ao longo dos anos, o evento foi ganhando destaque e neste ano eles participaram do Carnaval de São Paulo com um trio elétrico próprio. 

 

Adrielle Coutinho, responsável pela elaboração do planejamento e desenvolvimento estratégico da Batekoo, contou ao Correio que o grupo conversou muito com Matthwe Morgan durante sua passagem em Salvador. "Ele já conhecia a Batekoo, já sabia do movimento no Brasil e ficou impressionado com as mobilizações e a quantidade de público que os eventos atraiam", disse Adrielle. 

 

"A gente trocou muitas ideias aqui em Salvador, e ele disse que iria formalizar o convite quando chegasse no escritório do Afropunk e assim aconteceu. O que posso adiantar também é que vamos fazer outro grande evento fora do país, mas ainda não posso revelar detalhes", conta Adrielle. A Batekoo irá se apresentar em agosto na edição do Afropunk que irá acontecer no Brooklyn, em Nova York.

 

 

 

Wesley Miranda disse ao site, que participa desse festival é um sonho. "É um sonho desde que a gente soube da existência, porque sempre foi uma referência. Depois que a gente conheceu o Matthew, ele também disse que éramos referência para eles em vários aspectos. O festival é só um ponto de partida, porque a gente está elaborando outras parcerias que vão acontecem em 2019 e mais para frente também. A gente está muito feliz de representar o Brasil nesse festival que é mundialmente famoso, e antes da gente só teve a Karol Conka em Paris. Então, é realmente uma responsabilidade muito grande, que deixa a gente muito feliz", revelou.

Histórico de Conteúdo