Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Sexta, 23 de Maio de 2014 - 00:00

Russo Passapusso lança compacto com músicas do disco solo 'Paraíso da Miragem'

por Renata Farias

Russo Passapusso lança compacto com músicas do disco solo 'Paraíso da Miragem'
Foto: Divulgação
O cantor e compositor Russo Passapusso dá os primeiros passos na divulgação do seu disco solo com o lançamento de um vinil compacto com duas faixas, na próxima segunda-feira (26). O EP, com capa de Ricardo Magrão, é composto por duas músicas, "Paraquedas", que dá nome ao trabalho, e "Flor de Plástico", que foi a sua primeira composição. As duas faixas já podem ser baixadas gratuitamente no site oficial do músico. Produzido por Curumim, Zé Nigro e Lucas Martins, o álbum "Paraíso da Miragem" tem lançamento previsto para agosto deste ano e, segundo Russo, não foi algo planejado. "Não consigo dizer que é um projeto, não tive a ideia de uma careira solo. A partir de 'Passarinho', que Curumim gravou, coloquei o disco no edital da Natura e recebi a notícia no carnaval do ano passado. Foi uma surpresa", disse o artista, em conversa com o Bahia Notícias. Curumim foi o grande incentivador para o lançamento de "Paraíso da Miragem". Russo conta que já tinha várias músicas compostas, mas cantava apenas para amigos, em casa.

 


Capa do compacto "Paraquedas"
 
Quando Curumim, que conheceu em São Paulo, gravou uma de suas músicas, "Passarinho", houve a ideia de gravar um CD com as outras canções. "É tudo música produzida na Bahia, mas são diferentes. O Bembatrio tem uma coisa com o sound system, muita influência do Ministereo Público. Já o Baiana System tem muito mais de música baiana, com guitarra baiana, percussão e samba reggae", afirmou Russo, quando perguntado sobre os trabalhos já realizados. Seu disco solo já mostra um lado mais pessoal, com composições que representam diferentes fases de sua vida. "Já tinha essas músicas quando cheguei a Salvador. Elas são uma coisa bem interna, contando minha história de vida. Vem do passado até os dias de hoje. Houve um reencontro com toda a minha história", relata. O álbum conta ainda com diversas participações, como B Negão, Anelis Assumpção, Edgard Scandurra, Thalma de Freitas, Fael Primeiro, Massarock, Marcelo Jeneci, Laurinha da Nenê e Clara da Nenê – da ala de coro da Escola de Samba Nenê de Vila Matilde (SP). "Quando comecei a gravar essas canções, teve aquela coisa de deixar o filho correr. Todas as pessoas que me acompanharam foram dando seu toque na música, então houve um desapego. Cada músico trouxe uma identidade muito forte, foi uma parceria mesmo. As histórias foram contadas por mim e eles vivenciaram essas experiências comigo", disse Russo.

Ouça a faixa "Paraquedas":



Histórico de Conteúdo