Sabe o que eu acho?

Fãs do One Direction se cortam após saída de Zayan Malik e divulgam com a hashtag #cut4zayan

ISSO LOKURA AS FAMILIAS DEVERIA PROCURAR TRATAMENTOS PRA ESTAS PESSOAS... COISAS SATANICAS TIRAR SANGUEI... JESUS CRISTO FIEL!

25/03/2015 - 21:12

Silvana Silva Tavares

Rodrigo Faro vai a cidade de Jaguaquara realizar sonho de jovem com Paralisia

Nossa como sempre vc nos surpreende,fiquei muito feliz com sua atitude,meus parabéns Faro,sou sua fã de coração,e lhe desejo tudo de bom pra vc e sua família,fica com DEUS.

25/03/2015 - 20:32

Elisangela Oliveira

Veja mais

Frase da Semana

Bruna Surfistinha

"Eu acredito que eu seja uma fonte de inspiração. Não precisa ser uma garota de programa, todo mundo tem uma vida sexual ativa. Todo mundo tem pelo menos algumas histórias interessantes para contar."

Bruna Surfistinha sobre seu papel na literatura erótica brasileira.

Veja mais

Domingo, 29 de Março de 2015 - 19:02 

'Uma cidade que volta a ser ocupada democraticamente pela população', diz Guerreiro

por Aymée Francine e Jamile Amine

'Uma cidade que volta a ser ocupada democraticamente pela população', diz Guerreiro
Foto: Ag Haack
Durante a apresentação “Salvador 466 anos de paz”, que integra a programação do Festival da Cidade, o dramaturgo Fernando Guerreiro, presidente da Fundação Gregório de Mattos, convidou o público para cantar os parabéns para Salvador. De cima do trio elétrico ele ressaltou ainda a importância do evento e a “nova cara” da cidade. “Os percussionistas, as baianas e os percussionistas estão aqui reunidos, onde pulsa o coração, na praça Castro Alves, pra cantar parabéns pelos 466 anos da cidade de Salvador. Represento também o secretário Érico Mendonça e o presidente da Saltur, Isaac Edington e digo que é com um prazer enorme que eu estou vendo se concretizar essa que é a verdadeira imagem da nossa cidade hoje. Uma cidade multicultural, uma cidade onde todos têm espaco, uma cidade que volta a ser ocupada democraticamente pela população e pelos mais variados ritmos, pelas mais variadas tendências e crenças. Isso é democracia e isso é o perfil da nossa cidade hoje”, diz Guerreiro.

Comentar

   

Domingo, 29 de Março de 2015 - 18:39

Espetáculo 'Salvador 466 anos de paz' reúne músicos, baianas, capoeiristas e percussionistas

por Aymée Francine e Jamile Amine

Espetáculo 'Salvador 466 anos de paz' reúne músicos, baianas, capoeiristas e percussionistas
Foto: Aymée Francine
Antes do início da apresentação do Padre Fábio de Mello, que acontece a partir das 19h deste domingo (29), dentro da programação do Festival da Cidade, o espetáculo “Salvador 466 anos de paz” celebra o aniversário da capital baiana com performances artísticas de 466 baianas, 466 capoeiristas e 466 capoeiristas.
 

Salvador teve bolo e parabéns / Foto: Ag Haack

Todos dançam, tocam e cantam na Praça Castro Alves, ao som de músicas que reverenciam a primeira capital do Brasil. A celebração conta ainda com um bolo e um trio elétrico liderado pelos cantores Alex da Costa e Wilson Café, que puxaram os parabéns em ritmo de ijexá. Um show pirotécnico fecha a atração e emociona o público presente, a exemplo da soteropolitana Jucilene Miranda, que curtiu a festa e aguarda ansiosa pelo próximo show.  "Nunca tinha comemorado o aniversário de Salvador antes, acho uma iniciativa ótima. Sou fã do Padre Fábio de Melo e trouxe a família para assistir. Filho, sobrinha, todo mundo", disse animada.
 

Jucilene levou toda a família para celebrar os 466 anos de Salvador / Foto: Ag Haack

Comentar

   
Início de novela ‘Babilônia’ é pior resultado da Globo em 50 anos, diz site
Foto: Reprodução / TV Globo
A novela da Rede Globo “Babilônia" registrou o primeiro início de uma trama das 21h desde a inauguração da emissora. De acordo com o UOL, mesmo com a queda, a TV lidera com folga o Ibope em São Paulo e no restante do país. O resultado negativo é visível em comparação entre a audiência consolidada dos dez primeiros capítulos das novelas anteriores. Conforme o UOL, até o capítulo dez, "Babilônia" tem 42,5% de share (participação nas TVs ligadas) e 27,7 pontos de média. Cada ponto equivale a 67 mil residências sintonizadas, cada uma, com média de três pessoas na frente da TV, na Grande São Paulo. Antes da nova novela das nove, o pior início era justamente de "Império", antecessora da nova trama, com 49,8% de participação e 31,5 pontos nos dez primeiros capítulos. No entanto, a novela de Aguinaldo Silva conseguiu se recuperar e terminou na média geral não como a pior novela do horário em audiência, mas como a segunda pior. 

Comentar

   
Festival da Cidade atrai 15 mil à Boca do Rio em noite do samba
Foto: Agecom / Salvador
Quem foi ao bairro da Boca do Rio neste sábado (28) dançou ao som das bandas Batifun e É o Tchan, dos vocalistas Beto Jamaica e Compadre Washington. Os shows atraíram em torno de 15 mil pessoas dentro da programação do Festival da Cidade, conforme informou a prefeitura de Salvador, organizadora do evento. A primeira atração a subir no palco foi a banda Batifun – comandada por Fernando Rufino, Júnior Luiz e Marcelo Timbó – que fez uma apresentação recheada de sucessos do samba tradicional, além de hits do pagode baiano e hinos da chamada axé music. O grupo também trouxe canções próprias.
 

Batifun

Logo depois, foi a vez do É o Tchan tomar conta da Boca do Rio. Beto Jamaica e Compadre Washington falaram sobre a relação com o bairro. “Quando soubemos que iríamos tocar aqui, foi uma felicidade enorme. A nossa história com esse bairro é antiga, desde a época que tocávamos em festas particulares e no início do Gera Samba. Tudo isso ganha um sabor ainda mais especial com a comemoração do aniversário de Salvador”, relembrou Jamaica ao lado do parceiro Washington.

Comentar

   
Gusttavo Lima é internado em São Paulo por complicações intestinais
Foto: Divulgação

O cantor Gusttavo Lima foi internado na madrugada de sábado (28) no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, com complicações intestinais após um show na capital. O assessor pessoal de Gusttavo Lima, Breno Figueiredo, confirmou a informação.  Na sexta-feira (27), o sertanejo se apresentou no Centro de Tradições Nordestinas, na capital paulista, e depois se sentiu mal. De acordo com o assessor, o cantor tem gastrite, e às vezes passa mal e vomita. Ainda não há previsão de alta. Por conta da internação, a agenda de shows de Gusttavo  deste final de semana foi cancelada. 


Comentar

   
Gustavo Mendes apresenta em Salvador espetáculo 'Mais que Dilmais'
Foto: Divulgação
O humorista Gustavo Mendes, famoso por interpretar a presidente Dilma Rousseff, se apresentará novamente em Salvador neste mês de abril. Ele a “presidenta” apresentarão o espetáculo “Mais que Dilmais” nos dias 17,18 e 19 de abril, no Teatro Sesc Casa do Comércio. Os ingressos custam R$ 60, a inteira, e a meia é R$ 30. A classificação é 14 anos. Na apresentação, o ator reúne uma compilação dos seus melhores textos, piadas e performances musicais ousadas - como Maria Bethânia cantando funk, e Alcione, Roberto Carlos e Ana Carolina em situações engraçadas. Foi através da personagem Dilma Rousseff que o humorista alavancou a carreira, dando lhe projeção nacional, com mais de 15 milhões de visualizações no YouTube, e o levou para a TV Globo, no programa Casseta & Planeta Vai Fundo.

Comentar

   
Caio Castro e Maria Casadevall são flagrados se beijando no Lollapalooza
Foto: Iwi Onodera / EGO
Os atores Caio Castro e Maria Casadevall foram flagrados trocando beijos na noite deste sábado (28), durante a primeira noite do festival Lollapalooza 2015. O casal circulou pela área vip do festival abraçadinho cercado por fãs e não se intimidou em trocar beijos em público. Caio Castro estará na próxima novela das 19h e interpretará um traficante. A atriz Maria Casadevall também estará na trama, e atualmente pode ser vista na série “Lili, a ex”, no canal GNT.

Comentar

   

Domingo, 29 de Março de 2015 - 02:00 

Clima de agradecimento e celebração marca show de Maria Bethânia no Farol da Barra

por Virgínia Andrade

Clima de agradecimento e celebração marca show de Maria Bethânia no Farol da Barra
Fotos: Jefferson Peixoto | Ag. Haack | Bahia Notícias
De pés descalços, Maria Bethânia pediu licença para subir ao palco do Festival da Cidade e cantar para as 50 mil pessoas que a aguardavam desde o início da noite deste sábado (28). Ovacionada pelo público, a baiana agradeceu a alegria de voltar a se apresentar no Farol da Barra, onde cantou pela última vez há 15 anos. "Com licença. Obrigada a todos. Abraçar, agradecer e comemorar o aniversário de Salvador. Agradecer a oportunidade de cantar para ela e para seus filhos", disse emocionada. No repertório montado por Bethânia especialmente para a apresentação, a intérprete revisitou clássicos dos seus 50 anos de carreira e de artistas como Nelson Gonçalves, Chico Buarque e Dominguinhos, além dos sertanejos Zezé di Camargo e Luciano e Bruno e Marrone. As canções "Reconvexo", "Negue", "Olhos nos Olhos", "Gostoso Demais", "Fera Ferida", "É o Amor" e "Vai dar Namoro" foram cantadas em uníssono pela plateia, que curtiu atenta cada detalhe do espetáculo. Segundo a cantora, o que guiou a escolha das canções foi sua "intuição". "O repertório foi escolhido por intuição, amor, vontade de reverenciar a cidade, respeito, benção... tudo isso junto", contou.



No palco, o clima era de amizade e total comunhão

Dois dos momentos mais marcantes da apresentação foram quando Bethânia cantou e declamou em português "Non, Je Ne Regrette Rien", da cantora francesa Edith Piaf, e quando recebeu no palco Mariene de Castro e Margareth Menezes, "as vozes morenas da Bahia", como se referiu às baianas. "Eu tenho uma admiração profunda por essas duas artistas, cantoras. Acho que a Bahia é uma cidade mãe, ela gera muitas cantoras poderosas, maravilhosas. Essas duas hoje fizeram essa graça para mim de colaborarem com o espetáculo", comentou e aproveitou para citar a participação da Banda Didá, que encerrou o show junto com o trio. "Nós três abraçadas no final, com as meninas batendo aqueles tambores, foi muito forte. Só a Bahia tem isso", enfatizou.



"Foi bonito, gostei muito", declarou Bethânia, emocionada

Para Maria Bethânia, o clima da noite foi de total agradecimento e celebração. "Foi uma emoção fazer o show, no aniversário da cidade e contando com Margareth, Mariene e a Didá, contando com Salvador e com os filhos da cidade. Eu fiquei muito comovida. Foi bem bonito, gostei muito", finalizou.

Comentar

   

Domingo, 29 de Março de 2015 - 00:20 

Artistas falam de emoção ao cantar com Bethânia: 'coroa a carreira', diz Margareth Menezes

por Virgínia Andrade | Lucas Cunha

Artistas falam de emoção ao cantar com Bethânia: 'coroa a carreira', diz Margareth Menezes
Foto: Jefferson Peixoto Ag Haack | BN
As cantoras Mariene de Castro e Margareth Menezes tiveram a honra de dividir o palco com Maria Bethânia no show deste sábado (28), que atraiu 50 mil pessoas para o Farol da Barra, dentro da programação do Festival da Cidade. Após a apresentação, a dupla comentou sobre o convite feito por Bethânia. “Foi emoção pura. Era gente a perder de vista. Agradecer a Bethânia, que ligou para fazer o convite, de uma maneira muito generosa. Isso com certeza coroa a carreira da gente, um momento com uma cantora ímpar da música brasileira, uma professora e mestra do canto”, disse Margareth. Já Mariene afirmou que quando foi convidada ‘o coração já começou a bater na garganta’. “Até agora parece um sonho. Dividir esse momento junto com Margareth, somos duas guerreiras. E estar ao lado dessa guerreira, senhora dos ventos, que é Bethânia, no aniversário de Salvador, foi forte e iluminadao”.

Comentar

   

Sábado, 28 de Março de 2015 - 23:51 

Marcia Castro se emociona em show de Bethânia no Farol: 'um presente para as pessoas'

por Virgínia Andrade | Lucas Cunha

Marcia Castro se emociona em show de Bethânia no Farol: 'um presente para as pessoas'
Foto: Jefferson Peixoto | Ag. Haack | Bahia Notícias
A cantora Márcia Castro foi uma das 50 mil pessoas que veio até o Farol da Barra para acompanhar o show da cantora Maria Bethânia neste sábado (28), parte da programação do Festival da Cidade. "Os shows de Bethânia são maravilhosos, emocionantes. Eu chorei em vários momentos. Ela é uma artista que me toca muito. Ainda reuniu no palco Mariene e Margareth, além de finalizar com o Didá no palco. Isso, em um show de graça para essa quantidade de gente. Realmente estou feliz com esse acontecimento para a cidade, acho que foi um imenso presente para as pessoas que vieram aqui no Farol". A cantora também comentou sobre a noite do reggae da última sexta-feira (27), quando participou dos shows de Edson Gomes e Adão Negro no Periperi. "Feliz muito feliz com o que aconteceu ontem (sexta) no Periperi. Foi um show incrível, com uma energia positiva o tempo inteiro do público. Uma comunhão de todos os artistas que tocaram ali".

Comentar

   

Sábado, 28 de Março de 2015 - 23:20 

'Minha batalha é provar que baiano não gosta de porcaria', diz Fernando Guerreiro

por Virgínia Andrade | Lucas Cunha

'Minha batalha é provar que baiano não gosta de porcaria', diz Fernando Guerreiro
Foto: Jefferson Peixoto | Ag Haack | BN
O presidente da Fundação Gregório de Mattos, Fernando Guerreiro, comemorou o êxito do show de Maria Bethânia no Farol da Bahia neste sábado (28), quando 50 mil pessoas viram a apresentação da cantora, parte da programação do Festival da Cidade. Segundo Guerreiro, o bom público comprova sua tese que “baiano não gosta de porcaria”. “Minha grande batalha é provar que baiano não gosta de porcaria. Por que tem que botar artistas de quinta pra dizer que enche? Isso é uma coisa que me irrita profundamente. Vieram caravanas do interior para ver esse show. As pessoas cantavam a música de Edith Piaf junto com Bethânia. Ela estava 15 anos sem cantar na rua. Lutei para trazer esse show, foi um momento marcante. Bethânia estava em um dia maravilhoso. Espero que a gente consiga manter esse padrão”. Guerreiro também avalia que o Festival da Cidade teve uma “programação vitoriosa” por trazer uma “programação multicultural”. “O Festival trouxe gêneros variados: teatro, literatura, música, ou seja, uma programação múltipla, puxando uma coisa que Salvador está voltando a ser, uma cidade multicultural. Durante muito tempo Salvador ficou vivendo de uma nota só, e acho que estamos conseguindo resgatar o que Salvador tem de melhor, que é justamente essa diversidade, que estava abafada, esquecida, prejudicada”. O presidente da Fundação Gregório de Mattos ainda destaca o caráter ‘descentralizador’ do Festival, apostando em diversos estilos musicais. “O palco de Periperi foi algo maravilhoso, sou um grande batalhador do reggae. Ele foi importantíssimo no aniversário da cidade, com Edson Gomes capitaneando os grupos de reggae. E agora a gente tem que abrir para o hip-hop. Ele é o movimento da comunidade de Salvador. A periferia está no hip hop, ele é o próximo que precisa entrar (na programação)”.

Comentar

   

Sábado, 28 de Março de 2015 - 22:31 

Festival da Cidade: Daniel faz show com sucessos de seus 30 anos de carreira em Cajazeiras

por Júlia Belas / Lucas Cunha

Festival da Cidade: Daniel faz show com sucessos de seus 30 anos de carreira em Cajazeiras
Fotos: Foto: Elias Dantas/Ag Haack | BN
O cantor Daniel fez um passeio pelos seus 30 anos de carreira na apresentação da noite deste sábado (28) em Cajazeiras, parte da programação da comemoração dos 466 anos de Salvador no Festival da Cidade. Sucessos como “Hoje eu sei”, “Rosto Molhado”, “Só da você na minha vida” e “Minha estrela perdida” da época de sua parceria com João Paulo, além de hits de sua carreira solo como “Adoro amar você”, ”Declaração de amor” e “Fale um pouco de você” fizeram parte do set list, ao lado de canções mais recentes como “Maravida” e “Meu mundo e nada mais”, regravação de Guilherme Arantes. Um dos momentos mais emocionantes da noite foi quando Daniel entregou nas mãos do subprefeito do bairro, Alan Muniz, uma imagem de Nossa Senhora Aparecida, de quem o cantor é devoto, para deixar para a comunidade. "Viva Salvador. Vou cantar uma música para trazer muita paz e felicidade pra vocês nesse show muito especial do aniversário de Salvador", disse o artista paulista, que então cantou a música “Nossa Senhora”, de Roberto Carlos, que já foi regravada por Daniel. O artista fez questão de deixar marcada sua felicidade por participar da festa de aniversário da capital baiana. “É uma energia diferente tocar em Salvador, eu sinto isso. E fazer esse show em um dos bairros mais famosos de Salvador, que tem muitas características minhas, um povo humilde, quem acaba ganhando o presente sou eu. O povo baiano é receptivo a vários estilos e ao meu também”, comentou o cantor.
 

Daniel toca o seu berrante durante o show em Cajazeiras.

Comentar

   
Festival da Cidade: Maria Bethânia leva 50 mil para Barra e Daniel 15 mil em Cajazeiras
Fotos: Jefferson Peixoto e Max Haack / Ag. Haack / BN
As apresentações de Maria Bethânia, na Barra, e do sertanejo Daniel, em Cajazeiras, levaram públicos de 50 mil e 15 mil, respectivamente, segundo dados da Polícia Militar, para os shows deste sábado (28), parte da programação do Festival da Cidade, em homenagem aos 466 anos de Salvador. Na última sexta-feira (27), a noite do reggae em Periperi com shows de Edson Gomes, Adão Negro, Diamba e Márcia Castro levou um público de 10 mil pessoas para a Praça da Revolução, segundo estimativa da PM. A programação do Festival da Cidade termina neste domingo (29), com o encerramento por conta da apresentação do Padre Fábio de Melo na Praça Castro Alves. Para ver o restante das atividades do Festival da Cidade neste domingo, clique aqui.

Comentar

   

Sábado, 28 de Março de 2015 - 20:20 

Fãs de todas as idades vão ao Farol para ver o show de Bethânia no Festival da Cidade

por Virgínia Andrade | Lucas Cunha

Fãs de todas as idades vão ao Farol para ver o show de Bethânia no Festival da Cidade
Fotos: Jefferson Peixoto | Ag Haack | BN
Com grande expectativa, o público já se acumulava desde cedo no Farol da Barra à espera da cantora Maria Bethânia, que se apresenta na noite deste sábado  como atração do Festival da Cidade, evento em homenagem ao aniversário de Salvador. Uma das que aguardavam ansiosas o show era Carmen Castro, que veio curtir o show com as amigas, todas também fãs da cantora. “Só Maria Bethânia para trazer a gente aqui. Eu adoro tudo o que ela representa, toda a emoção. Ela é o máximo”, comentou. Já Lorena Silva, uma das companheiras de show, espera para a apresentação o espetáculo que, segundo ela, Bethânia sempre dá. “Eu só espero que ela seja ela mesma, maravilhosa como sempre. Nada como uma baiana do nível de Bethânia para comemorar o aniversário de Salvador. É um bom presente”, diz. Para garantir um bom lugar o grupo chegou cedo e trouxe as próprias cadeiras para não cansar. “Gostamos de Bethânia, mas não somos mais meninas, precisamos sentar um pouquinho”, disse Maria Oliveira, aos risos.
 

A baiana Marina e o carioca Eduardo gostaram da chance de ver o show de Bethânia
 
O show de Bethânia também levou ao Farol um público jovem, como a baiana Marina Barter e o carioca Eduardo Brandão, que vieram juntos ao evento. Embora não acompanhem tão de perto o trabalho da cantora, a apresentação gratuita da cantora pareceu imperdível. “Dei uma olhada na programação antes, mas as opções em dias de semana não eram tão atraentes e os horários não batiam com os horários de quem trabalha”, explica Marina. Eduardo chegou do Rio de Janeiro e não sabia do Festival da Cidade, mas conta que foi uma grata surpresa. “Nunca vi o show da Bethânia, que boa coincidência estar aqui hoje. Ela é a melhor”, comentou Eduardo.

Comentar

   

Sábado, 28 de Março de 2015 - 20:02 

Fãs chegam cedo para ver Daniel de perto em Cajazeiras no Festival da Cidade

por Júlia Belas / Lucas Cunha

Fãs chegam cedo para ver Daniel de perto em Cajazeiras no Festival da Cidade
Fotos: Foto: Elias Dantas/Ag Haack | BN
Muitas fãs do cantor sertanejo Daniel chegaram cedo ao Campo da Pronaica, em Cajazeiras, onde o artista paulista se apresenta na noite deste sábado (28), dentro da programação do Festival da Cidade, que marca as comemorações dos 466 anos de Salvador. Uma delas é a moradora do Cabula Jucilene de Jesus, que chegou cedo o suficiente até para conseguir uma foto com o ídolo. "Sou fã de Daniel desde sempre. Vim pra cá só para ver ele. Até consegui tirar foto com ele. Estou muito feliz, é uma sensação maravilhosa. Gosto de todas músicas que ele canta, mas a minha favorita é  'Adoro Amar Você'", disse Jucilene. Outra fã do artista é Sandra Neres, que é cadeirante e veio com a família cedo para pegar um bom lugar para assistir o show. "Quero que ele cante as mais antigas, são as minhas preferidas. Não consigo assistir muito perto do palco por ser cadeirante, mas daqui consigo ver, dançar e cantar bastante", afirmou Sandra.



Sandra Neres chegou cedo para conseguir um bom lugar para assistir ao show


Comentar

   
Segundo jornal, Gisele Bundchen pode participar de nova novela da Globo
Foto: Divulgação
A modelo mais bem paga do mundo, Gisele Bündchen, recebeu uma proposta tentadora para atuar na próxima das 19h da Globo. A informação foi publicada na coluna Outro Canal, assinada pela jornalista Keila Jimenez, da Folha de São Paulo. Segundo a jornalista, representantes da emissora já entraram em contato com a modelo para fechar uma participação especial na trama. Ainda sem nome definido, a novela vai abordar o glamour do mundo da moda e das passarelas. “Poderosa”, “Iluminada” e “A Dona do Jogo” estão entre os nomes cotados para o folhetim. A novela deve estrear em setembro substituindo “I Love Paraisópolis”, que substituirá a atual “Alto Astral” no horário.

Comentar

   
Depois recusar namoro, Fernando se declara: 'te amo mais do que você imagina'
Foto: Divulgação
Na festa Cruzeiro, Amanda e Fernando resolveram ficar em um canto reservado da festa para conversar. Os dois participantes falamsobre a relação deles. "Já te falei. Eu estou cansado", explica o brother sobre seu comportamento quieto. Amanda insiste no assunto e Fernando, então, desabafa. "Parece que tudo se resume a só isso. E não é só isso", dando a entender que está falando de sexo com a empresária. "A forma de me olhar, de me pegar, a forma de não sei o quê. Parece que é só isso. Tudo parece que é só isso", continua ele. Amanda também se explica, e diz: "Mas eu te olho e te desejo. Sempre vou te olhar". O produtor cultural, então, rebate falando sobre comportamento. "Tem olhar de carinho. Mas parece que é só isso. Fico pensando", completa Fernando. Curiosa, Amanda quetiona: "Você acha que eu estou te usando?". "Isso que eu estou falando. Nem sempre precisa ser sassim. Você é carinhosa ao extremo. Você faz tudo, é totalmente carinhosa", responde o brother arrancando outra pergunta da paulista. "Qual o problema de querer fazer amor?". "Não é esse o problema", afirma Fernando. "Então, não estou entendendo", declara Amanda.
 
Vendo a conversa, Adrilles se aproxima de Amanda e Fernando, que estão discutindo a relação. "A gente acabou. Terminou comigo", diz a sister para Adrilles. No entanto, o escritor mineiro discorda de Amanda. "Ele te ama. Ele não sabe ainda", afirma Adrilles. "Ele não me ama, não", discorda a Líder. "Eu amo mais do que você imagina", declara Fernando. Diante da afirmativa de Fernando, Adrilles faz um pedido a ele: "Fala eu te amo". "Eu te amo. Olhando no olho ainda", fala Fernando. Em seguida, o produtor cultural comenta com Amanda: "Entendeu  que eu estou falando?". A sister responde: "Tá. Esquece aquilo". "É só você entender o que eu estou falando", avisa Fernando. "Amor, eu entendi. Aqui não é o lugar para a gente se amar completamente", declara a sister.

Comentar

   

Sábado, 28 de Março de 2015 - 09:00

Começa hoje, em São Paulo, o festival Lollapalooza 2015

por Aymée Francine

Começa hoje, em São Paulo, o festival Lollapalooza 2015
Foto: Divulgação
Começa neste sábado (28), em Interlagos, São Paulo, o Lollapalooza Brasil 2015. O evento surgiu nos Estados Unidos em 1990, para aumentar a conscientização e arrecadar dinheiro para a população indígena norte-americana. De lá para cá, a festa ganhou enormes proporções, e chegou por aqui em 2011, quando aconteceu a primeira ediçao tupiniquim. Sempre no primeiro semestre do ano, o festival terá sua quinta edição realizada neste fim de semana. Conheça a grade de atrações do primeiro dia:
 

Foto: Divulgação / Lollapalooza Brasil
 
O festival começa ao meio dia e será transmitido ao vivo na internet e nos canais Multishow e Bis a partir das 14h, com exibição dos principais shows. A rede globo fará um programa especial para exibir momentos, com a apresentação de Dani Suziki e Fernanda Souza.

Comentar

   
Malu Verçosa se declara para Daniela Mercury nas redes sociais: 'Grande Amor'
Foto: Reprodução / Instagram
Em comemoração aos dois anos de casamento, que acontecer em 27 de março de 2013, Malu verçoca usou sua conta no Instagram para homenagear sua esposa, Daniela Maercury. Em uma das postagens, a jornalista falou sobre o noivado das duas, em Paris. "27 de março... Essa foto foi tirada poucas horas depois de colocarmos a nossa primeira aliança, em Paris! Meses antes do nosso casamento no civil, antes mesmo da foto do instagram, quando anunciamos para o mundo nossa união de amor. Hoje te amo mais porque te conheço mais", disse Malu. Em outra foto, a mulher de Daniela escreveu: "Mais uma lembrança daquele 27 de março! Você é o grande amor da minha vida, Danielaaaaa!".
 

Comentar

   
O sertanejo Daniel é, junto com Maria Bethânia e o Padre Fábio de Melo, uma das maiores atrações do Festival da Cidade 2015. O evento, promovido pela prefeitura, comemora os 466 anos de Salvador e levou a diversos bairros da cidade eventos culturais e esportivos durante a semana. Neste sábado (28), o artista se apresenta no Campo da Pronaica, em Cajazeiras, e leva para o público soteropolitano o show comemorativo dos seus 30 anos de carreira. Com clássicos da música sertaneja e canções como "Meu Mundo e Nada Mais", de Guilherme Arantes. "O povo baiano, em geral, é muito acolhedor. Todas as vezes em que estive em Salvador fui muito bem recebido e fico feliz cada vez que tenho a oportunidade de voltar", disse o artista ao Bahia Notícias. Confira a entrevista completa com Daniel!
 
 
Como é a sua relação com o público soteropolitano?
 
O povo baiano, em geral, é muito acolhedor. Todas as vezes em que estive em Salvador fui muito bem recebido e fico feliz cada vez que tenho a oportunidade de voltar.
 
A cidade comemora 466 anos no domingo (29). Qual a sua lembrança mais memorável de uma apresentação em Salvador?
 
Certa vez, fiz um show no Pelourinho, e foi incrível. Já me apresentei em outros lugares, inclusive com o Carlinhos Brown no Museu du Ritmo.
 
Além de cantar, o que você mais gosta de fazer quando vem a Salvador?
 
Normalmente, não tenho muito tempo de andar pela cidade, infelizmente. Mas, com a convivência com o Brown, estive aí em três oportunidades no Sarau du Brown e é uma energia incrível.
 
Como está a expectativa para o show deste sábado (28)?
 
Para mim, a expectativa é das melhores. Comemorar o aniversário dessa terra querida, nossa primeira capital, vai ser especial!
 
 
O que o público pode esperar do repertório para o aniversário de Salvador?
 
O repertório tem de tudo um pouco. Canções para se emocionar, dançar, curtir a dois... Vamos comemorar com eles não só o aniversário de Salvador, mas também os meus 30 anos de carreira.
 
Você planeja alguma surpresa para o público baiano? Convidou alguém para fazer uma parceria no palco?
 
Essas surpresas são imprevisíveis, não convidei ninguém ainda. Mas não pode faltar um "Parabéns" para a cidade, não é?
 
Como um dos principais nomes da música sertaneja, como você vê esse boom do sertanejo universitário na música brasileira?
 
Acho que a música sertaneja sempre teve seu espaço e vejo como muito positiva essa expansão entre os mais jovens. Agregar outros tipos de público é algo que vem acontecendo com a música sertaneja há anos e essa moçada nova deu uma alavancada nisso.
 
 
Por causa do The Voice, você acaba tendo um contato maior com Carlinhos Brown e Claudia Leitte, que são grandes nomes do axé music. Além deles, quem você vê com mais destaque atualmente entre os representantes da música baiana?
 
Realmente o meu contato com eles é maior, mas a Bahia é um celeiro de talentos. Ficaria difícil citar nomes dentre tantos que eu gosto de ouvir e admiro como profissionais da música.
 
Para finalizar, você pode mandar uma mensagem de feliz aniversário para Salvador?
 
Só posso desejar coisas boas para Salvador. Que seu povo possa ter tudo o que é de direito do cidadão brasileiro, uma educação de qualidade, saúde para atender quem precisa, segurança para poder trabalhar e construirmos juntos um país melhor. Parabéns e muita prosperidade para Salvador!

Comentar

   
Edson Gomes diz ter criado termo 'sofrência' e que novo estilo ‘induz a tomar veneno de rato’
Para Gomes, sofrência de Pablo 'é canalhice'. Fotos: Ag. Haack
Edson Gomes, maior nome do reggae baiano, parece não ter gostado da popularização do termo 'sofrência'. Não pelo menos da forma como ele, recentemente, ganhou popularidade, normalmente associado ao 'sofrimento' causado pelas músicas românticas do arrocha de artistas como o também baiano Pablo. É que Edson afirma ter sido o primeiro a usar a palavra 'sofrência' na música "Viu", do seu álbum de estreia de 1988 "Reggae Resistência", o mesmo que tem clássicos como "Sistema do Vampiro", "Rastafary", "Maladrinha" e "Samarina". Durante o show desta sexta-feira (27), quando tocou para um público de 10 mil pessoas no bairro do Periperi em Salvador dentro do Festival da Cidade, Edson atacou o estilo e disse que as "músicas da sofrência" estimulavam os homens a resolver "tomar veneno de rato" e o alcoolismo. Após a apresentação, o reggaeman nascido em Cachoeira, no Recôncavo baiano, explicou melhor a sua ira contra a "sofrência" de Pablo e companhia em cima do palco. "Eu joguei no ar essa palavra sofrência, tá na minha música, agora os caras pegaram. Já consultei o dicionário e vi que ela não existe lá. A minha sofrência é a sofrência coletiva do povo, nós sofremos muito. Não é o que eles estão cantando aí de amor apaixonado, que induz homem a tomar veneno de rato, a se embriagar, a não permitir que a mulher não queira mais se relacionar. Eu coloquei na minha música: 'vamos acabar com tanta violência, vamos acabar com tanta sofrência'. E agora eles estão batizando uma canalhice como sofrência. Eu sou o criador da palavra, se não há no dicionário, eu sou o criador", desabafou Gomes. Questionado se a 'sofrência' não era um estilo popular, muito escutado em periferias como o próprio Periperi onde estava cantando, Gomes afirmou que "o povo não é educado para rejeitar canalhice". "O povo gosta de tudo, aceita tudo, coisas que prejudicam eles mesmos". Por fim, Edson se recusou a tecer sua opinião sobre o que achava do cantor Pablo, símbolo-mor da 'sofrência' do arrocha. "Por favor, não me force a dizer o que acho. Não force a barra. Até porque não tem nada de bom para falar", respondeu, aos risos.
 
Abaixo, ouça a música “Viu”, composição de Edson Gomes lançada em 1988 que contém o termo sofrência e leia a letra da canção:
 

"Viu" (Edson Gomes)

Viu,vamos acabar / Com tanta violência
Viu,vamos acabar / Com toda essa dor
Viu,vamos acabar / Com tanta sofrência
Viu,vamos acabar / Com toda essa tristeza
Todo mundo precisa / De um lugar Pra morar
Todo mundo precisa / De viver em paz
Todo mundo precisa / Respirar o ar
Todo mundo precisa / Se alimentar

Comentar

   

Sábado, 28 de Março de 2015 - 00:25

'O alvo das minhas canções é a periferia', diz Edson Gomes em Periperi

por Lucas Cunha

'O alvo das minhas canções é a periferia', diz Edson Gomes em Periperi
Foto: Márcio Reis/Ag. Haack/Bahia Notícias
Acompanhado em coro pelo público de 10 mil pessoas nesta sexta-feira (27) que assistiram sua apresentação em Periperi, dentro da noite de reggae do Festival da Cidade de Salvador, o reggaeman Edson Gomes disse que ver a 'periferia' cantando suas músicas é a maior recompensa que ele pode ter. "O alvo das minhas canções é a periferia. Ver ela cantada aqui em Periperi é mais gratificante do que ouvir minha música na FM, é a maior recompensa que um artista pode ter, mais do que qualquer dinheiro. Me sinto um artista realizado. O que importa pra mim é que o povo me aceita e me carrega". Nascido em Cachoeira, onde ainda reside, Edson reconhece a importância de Salvador na expansão de sua música, mas afirma que ela sofreu um pouco de 'resistência' para chegar nas pessoas na capital. "Teve um pouco de resistência devido outras manifestações que acontcem na periferia. Mas eu cheguei aqui antes de começar o axé. Minha música também tem 30 anos. Quando Luiz Caldas lançou "Fricote", eu também estava aqui. Cantei "Rastafari" em festival em Feira em 1985. Salvador é um recanto onde minha música demorou, mas emplacou, porque é o retrato falado da realidade desse povo da periferia. Um dia teria que acontecer. E melhor, aconteceu sem ajuda do sistema".

Comentar

   

Sábado, 28 de Março de 2015 - 00:10 

'Música para o povo, que educa, satisfaz o entretenimento', diz vocalista da Diamba sobre reggae

por Lucas Cunha / Estela Marques

'Música para o povo, que educa, satisfaz o entretenimento', diz vocalista da Diamba sobre reggae
Foto: Márcio Reis/Ag. Haack/Bahia Notícias
A banda Diamba sobe ao palco do Festival da Cidade 2015 em Periperi ainda na madrugada deste sábado (28), mas o vocalista do grupo já aproveitou para ressaltar a qualidade da programação. "Diamba, Adão Negro e Edson Gomes são música para o povo, música que educa, que satisfaz o entretenimento e são música que é para estar junto mesmo, fazendo o aniversário da cidade", disparou o cantor, atração da 'Noite do Reggae'. A festa na Praça da Revolução é parte da programação desenvolvida para celebrar o aniversário de 466 anos de Salvador. Para o soteropolitano, a inclusão do bairro na programação "foi muito inteligente. "Não inteligente pensando retorno, mas pensando no bem estar da população, saber que seu local é valorizado, vai tocar grandes artistas", explicou.

Comentar

   

Sexta, 27 de Março de 2015 - 23:00 

Marcia Castro relembra adolescência com músicas de Edson Gomes: 'Tá na memória inconsciente'

por Lucas Cunha / Estela Marques

Marcia Castro relembra adolescência com músicas de Edson Gomes: 'Tá na memória inconsciente'
Foto: Márcio Reis/Ag. Haack/Bahia Notícias
A cantora Márcia Castro participa dos shows de reggae em Periperi, como parte da programação do Festival da Cidade 2015. No show de Edson Gomes, a artista relembra momentos da adolescência. "Tá na memória inconsciente nossa de vários momentos. Vem muito minha adolescência, nos anos 1990, aquela coisa de ouvir Edson Gomes, ir para praia, Jaguaribe, shows no Clube Português", descreve Marcia. Os "momentos lúdicos" de sua vida, marcados pelas canções do regueiro baiano, fazem com que Marcia reflita sobre a produção do cantor. "A música de Edson é engraçada. Tem esse viés de protesto político muito forte e tem outro lado que é super romântico, 'Fiquei louco de amor, vem me namorar, girl' e Malandrinha", diz a artista, em referência às músicas de Edson Gomes que falam de amor. O Festival da Cidade 2015 ocorre em comemoração aos 466 anos de Salvador. Entre as  belezas da cidade, Marcia sugere que as pessoas não deixem de ver o pôr do sol na Ponta do Humaitá, tomar sorvete na Ribeira e na sorveteria Cubana, ir no bairro do Santo Antônio, no Rio Vermelho e um mergulho no Porto da Barra e na Praia de Buracão. "O que eu mais falo para as pessoas que vêm para Salvador é: vão abertos aos encontros com as pessoas. Acho que a maior magia da Bahia são os baianos, soteropolitanos", conclui.

Comentar

   
Espetáculo 'Los Catedrásticos' faz apresentação em Periperi pelo Festival da Cidade
Foto: Reprodução / Facebook
Entre música, teatro e dança, há também espaço para o humor no Festival da Cidade. O evento que celebra os 466 anos de Salvador tem em sua programação deste sábado (28) o grupo Los Catedrásticos. Os atores Jackson Costa e Ricardo Bittencourt e as atrizes Cyria Coentro e Maria Menezes se entram em cena na Praça da Revolução, no bairro de Periperi, às 20h. O grupo vai encenar pela primeira vez em praça pública, com a apresentação 'Nova Mente', com homenagens a artistas da música nacional e baiana. “Já estamos em cartaz há muito tempo com Nova Mente, viajamos bastante e devemos encerrar as apresentações em grande estilo, no meio da rua, onde o público é diferenciado. A platéia de rua já chega no clima, o ator não precisa envolvê-la, como acontece nos teatros. A rua, por si só, já é viva, movimentada”, comentou Jackson Costa sobre a apresentação fora do teatro. O Festival da Cidade também conta com outras atrações do ramo do humor nesta semana. Na sexta-feira (27), o ator Luís Miranda apresenta a peça 7 Conto no Campo da Pronaica, em Cajazeiras X, às 20h. Além disso, Psit Mota animou estações de transbordo de Salvador com o Stand Up Kombi.

Comentar

   
Thammy Miranda diz pensa em deixar a barba crescer: 'se a Andressa deixar'
Foto: Divulgação
De terno e gravata, Thammy Miranda chegou acompanhada da namorada, Andressa Ferreira, ao Prêmio Geração Glamour, que aconteceu na noite desta quinta-feira (26), no Nacional Club, zona oeste de São Paulo. Após a retirada dos seios, Thammy apareceu ostentando uma barbicha no queixo. Questionada se pensa em deixar os pelos faciais crescerem , ela riu. "São os hormônios. Eu tenho barbicha de adolescente ainda, quando crescer e ficar bonita penso se vou deixar, se a Andressa deixar", disse olhando para a namorada. A atriz ainda falou o motivo que a fez deixar o palco do Raul Gil durante uma sabatina com o deputado Marcos Feliciano. "Não teve nada a ver com nada, nem meu estresse com ele, eu só sai do palco do Raul Gil porque ele pediu para cortar meu microfone e na edição cortaram ele falando isso. Se eu estou ali para entrevistar e cortam meu microfone, não tenho o que fazer ali. Logo que eu saí, o Raulzinho, diretor do programa, veio me pedir desculpa, disse que o pai dele errou mesmo", concluiu.

Comentar

   
Band antecipa final de "Agora é tarde" para esta sexta-feira
Foto: Divulgação
O programa "Agora é Tarde", comandado por Rafinha Bastos na Bandeirantes deve, nesta sexta-feira (27), ter seu último capítulo exibido. Depois de anunciar que o talk show seria apresentado até o dia 10 de abril, a Band voltou atrás e resolveu antecipar o encerramento da atração. A band confirmou a informação e declarou que a antecipção do fim do "Agora é Tarde" foi 'uma decisão oda direção da emissora', negando qualquer briga com a produção. Na última segunda-feira (23), o canal justificou a decisão afirmado que estava "mudando o gênero do seu fim de noite". 

Comentar

   
Ludmilla lança CD com dança sensual e beijo na boca, no Rio de Janeiro; Veja fotos:
Foto: Divulgação
Após vários dias de expectativa, Ludmilla subiu ao palco para um mega show no Barra Music, maior casa de shows da America Latina, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, na noite desta quinta-feira (26). Em certo momento, Ludmilla decidiu sensualizar com um dos seus dançarinos. A cantora deixou o rapaz deitado sem camisa, pisou, rebolou, provocou e, de quebra, tascou-lhe um beijão na boca. A apresentação marcou o lançamento do CD e início da turnê Poder da Preta e teve a participação de Belo, Buchecha, David Brazil, Nego do Borel e Preta Gil. Há menos de duas semanas, Ludmilla passou por uma lipoaspiração na cintura e no abdômen. Veja fotos:


Comentar

   
Filhos de Jorge lança novo álbum 'Original da Bahia'
Foto: Divulgação
A banda Filhos de Jorge acaba de lançar seu novo álbum promocional, intitulado ‘Original da Bahia’. O CD, que reúne releituras de clássicos nacionais e internacionais, além de músicas autorais, está disponível para download no site do grupo. Entre as 17 canções gravadas por Dja Luz e Marta Lan estão ‘Meu Erro’, dos Paralamas do Sucesso, ‘Sombra da Maldade’, de Cidade Negra, e hits da banda, como ‘Molinho’, ‘Ziriguidum’, ‘Me Leve Por Favor’, ‘Meu Coração Chorou’ e ‘Vuco Vuco’. Para baixar, acesse http://www.filhosdejorge.com.br/cd/2015.zip. Atualmente, a banda está em processo de seleção e produção dos arranjos para um álbum com músicas inéditas, que deve ser lançado em setembro.

Comentar

   
A cidade do Rio de Janeiro é um verdadeiro cartão postal a céu aberto. Com uma vasta quantidade de locais que mostram a beleza natural que o destino tem a oferecer, a chamada Cidade Maravilhosa é admirada em todo o planeta e encanta turistas e os próprios moradores que vivem na capital fluminense.
 
Observando do chão, pontos como o Pão de Açúcar e o Cristo Redentor impressionam. Mas, imagina como seria observar a cidade do Rio de Janeiro do alto? Existe a possibilidade de ter uma visão privilegiada dos pontos turísticos da cidade de uma maneira diferenciada. A antiga capital do Brasil possui mirantes de tirar o fôlego, que possibilitam às pessoas ter uma visão impressionante dos locais mais charmosos da cidade.
 
Uma boa dica para quem desconhece a cidade é o passeio ao Cristo Redentor. Aberto à visitação das 8h às 19h, o local é a principal atração do Rio de Janeiro e é considerado um dos patrimônios históricos da humanidade. Com ingressos promocionais que variam de R$ 40 a R$ 62, o turista pode conhecer a obra e ainda desfrutar dos quiosques que vendem souvenirs para recordação.
 
Além de visitar o Cristo, o turista também tem a opção de andar no bondinho panorâmico e ter uma vista privilegiada do Morro do Corcovado, onde está localizado o Cristo Redentor. Aos pés da estátua, sob uma altura de 710 metros, é possível ter um panorama geral da cidade do Rio de Janeiro. Lá do alto, é possível observar o mar, o estádio do Maracanã e a Lagoa Rodrigo de Freitas.

Comentar

   
Carregando...

Histórico de Conteudo

Enquete

Após o sucesso no Carnaval, qual será o futuro de Igor Kannário?

Curtas e Venenosas

Férias

Depois de um estressante trabalho no carnaval, depois de ter alavancado os acessos desse site, depois de ter minha inteligência, o meu bom senso e o meu jornalismo verdade sendo explorado por este veículo, informo que estarei em um período de recesso onde farei um tour cultural pela europa para me reciclar. Não guento mais tanta sofrência. Beijos, tchau.

Veja mais

Colunistas

Luis Ganem

Colunista

19/03/2015 - 10:00

Danniel Vieira - a música sertaneja Baiana

Danniel Vieira, pode estar no lugar certo na hora certa. Alguns outros que tentaram não estavam no momento certo, e por isso talvez, independente da capacidade artística, fracassaram. O sucesso pleno, ao que percebi, só depende do próprio cantor.

26/02/2015 - 14:30

Luis Ganem: O novo axé! Como serão os futuros verões

Dentro desse caleidoscópio de efeitos visuais dos mais variáveis possíveis que é o Carnaval de Salvador, três produtos, cada um com a sua escola de aprendizado, vindo e chegados de formas distinta e por caminhos diferentes, tiveram a minha mais profunda atenção, quando da sua passagem pela avenida: a banda Duas Medidas, a banda ou dupla – como queiram - Oito7Nove4 e o novo cantor da banda Chiclete com Banana, Rafa Chaves.


Paulo Victor Nadal

Colunista

24/03/2015 - 16:40

Quebradeira baiana: Ex-Fantasmão, Tierry Coringa lança disco solo com participações de peso

“Na Farra ou na Sofrência” é o título do novo cd solo de Tierry Koringa, ex- vocalista da banda Fantasmão. O disco contou com participações especiais de peso! O sertanejo Lucas Lucco, o pagodeiro Léo Santana e os cantores de arrocha Tayrone Cigano e Pablo abrilhantaram o lançamento do cantor na nova fase.

13/03/2015 - 09:30

Quebradeira baiana: Mr. Galiza grava vídeo para comprovar plágio de Lucas Lucco

O cantor e compositor Mr. Galiza divulgou um vídeo na noite desta quinta-feira (12) acusando o vocalista Lucas Lucco de um provável plágio envolvendo a música 'vai Vendo'.


Veja mais