Com Samuel Celestino

Receba Notícias do BN

Nome
E-mail *

Curtas do Poder

Curtas do poder

Não é por nada, mas até hoje não me recuperei do susto que levei quando soube, na última sexta-feira, lá em Mar Grande, desse balaio de gato que fizeram na chapa do Soberano. Soube que Geddel indicou Joaci de pirraça, pois o sujeito não tem voto. Independentemente da motivação, só imagino o velho ACM se remexendo todo no caixão. Se estivesse vivo o senador daria um ataque, até porque a chapa de Wagner é mais fiel aos princípios carlistas do que a de Neto. Como ACM, o avô, não está mais entre nós, vai aí um conselho de camarada para o soberano: evite centro espírita, terreiro de candomblé ou coisa que o valha. É capaz de o velho baixar e o resultado é imprevisível. Confira mais notícias dos bastidores da política nas Curtas do Poder!

Veja mais

Pérola do dia

Marco Prisco

"Foi uma vitória histórica. [...] Convido todos os companheiros para um churrasco com arrocha para comemorar."

Vereador de Salvador pelo PSDB e líder dos praças da Polícia Militar, sobre o acordo com o governo que levou ao fim da greve no terceiro dia.

Veja mais

Entrevistas

Paulo Souto

Com a candidatura anunciada oficialmente quatro meses após a divulgação do nome petista para a concorrência à sucessão ao governo do Estado, o escolhido da “união das oposições”, o ex-governador Paulo Souto (DEM), considera “legítimas” as aspirações do ex-prefeito de Mata de São João, João Gualberto (PSDB), e do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) a encabeçar a chapa majoritária e acredita que o gestor de Salvador, ACM Neto (DEM), foi “um grande árbitro” na condução do processo de escolha. “Dificilmente se poderia desejar algo mais forte, mais robusto para disputar uma eleição: uma chapa que está reunindo os três maiores partidos da oposição”, defendeu, em entrevista ao Bahia Notícias. Souto nega haver um acordo tácito para que, caso seja eleito, não dispute a reeleição a fim de que Neto seja lançado ao cargo em 2018, embora admita a possibilidade de abrir caminho para o correligionário, a depender da avaliação futura do governo democrata.

Veja mais

Multimidia

Bahia empata com Vitória e é campeão baiano

Veja os gols do 2x2 no Estádio Pituaçu

Veja mais

Segunda, 04 de Outubro de 2010 - 00:20

CONFIRA A LISTA DOS DEPUTADOS ESTADUAIS ELEITOS

Foto: Google

A eleição do governador Jaques Wagner no 1º turno foi brindada com a vitória de seus aliados para a Assembleia Legislativa da Bahia. Com as eleições deste domingo (3), Wagner volta a ter maioria na AL-BA. Confira abaixo a lista com o nome dos 63 deputados estaduais baianos eleitos:


PRA FRENTE BAHIA   (Vagas: 27)
Marcelo Nilo (PDT) -  139.794 
Mário Negromonte Júnior (PP) -  113.398 
Ronaldo Carletto (PP) -  101.816 
Zé Neto (PT) -  81.233
Luiza Maia (PT) -  79.858 
Cacá Leão (PP) - 79.137
Roberto Carlos (PDT) -  75.873
Raimundo (PT) -  70.322
Rosemberg Pinto (PT) -  70.122
Euclides Fernandes (PDT) -  63.013 
Sidelvan Nóbrega (PRB) -  62.386 
Marcelino Galo (PT) -  59.456 
Neusa Cadore (PT) -  58.059 
Fátima Nunes (PT) -  57.843 
Pastor José De Arimatéia (PRB) - 56.896 
Paulo Rangel (PT) -  55.761 
Joseildo Ramos (PT) -  55.721 
Maria Del Carmen (PT) -  53.792 
Aderbal Caldas (PP) -  53.224 
João Bonfim (PDT) - 47.083 
Luiz Augusto (PP) -  45.505 
Coronel (PP) - 41.346
J. Carlos (PT) -  40.850 
Paulo Camera (PDT) -  40.666
Bira Corôa (PT) - 39.254 
Yulo (PT) - 38.967
Carlos Brasileiro (PT) -  38.825


MAIS AÇÃO, MAIS BAHIA   (Vagas: 15)
Maria Luiza Carneiro (PSC) - 65.930 
Graça Pimenta (PR) -  64.935 
Leur Lomanto Junior (PMDB) -  50.469 
Reinaldo Braga (PR) -  49.854 
Alan Sanches (PMDB) -  47.298 
Carlos Ubaldino (PSC) -  46.796 
Sandro Régis (PR) - 46. 783
Ivana Bastos (PMDB) -  46.401 
Luciano Simões (PMDB) -  46.296 
Targino Machado (PSC) -  45.265 
Angela Sousa (PSC) -  43.588 
Pedro Tavares (PMDB) -  43.202 
Temóteo Brito (PMDB) -  42.927 
Vando (PSC) -  39.738
Elmar (PR) -  38.406


DEMOCRATAS   (Vagas: 5)
Tom (DEM) - 62.391 
Rogério Andrade (DEM) - 60.292 
Gildasio Penedo (DEM) - 57.900 
Herbert Barbosa (DEM) - 46.723 
Paulo Azi (DEM) - 40.992


LUTA DE UMA BAHIA QUE TEM PRESSA   (Vagas: 4)
Claudia Oliveira (PT do B) -  58.034 
Bruno Reis (PRP) - 55.267 
Adolfo Menezes (PRP) -  52.255 
Maria Luiza Laudano (PT do B) - 43.937


PARTIDO COMUNISTA DO BRASIL   (Vagas: 3)
Fabricio (PC do B) - 52.057 
Álvaro Gomes  (PC do B) - 38.463 
Kelly Magalhães (PC do B) - 36.141


A BAHIA QUER PAZ, A BAHIA QUER MAIS   (Vagas: 3)
Joao Carlos Bacelar (PTN) -  46.990 
Carlos Geilson (PTN) - 37.205 
Coronel Gilberto Santana (PTN) - 28.732


FRENTE DOIS DE JULHO   (Vagas: 3)
Deraldo Damasceno (PSL) -  65.297 
Nelson Leal (PSL) - 58.817 
PR SGTº Isidorio (PSB) -  46.963


PARTIDO DA SOCIAL DEMOCRACIA BRASILEIRA   (Vagas: 2)
Adolfo Viana (PSDB) - 32.625 
Augusto Castro (PSDB) - 31.062


PARTIDO VERDE   (Vagas: 1)
Eures Ribeiro (PV) - 25.932


Comentar

   

Histórico de Conteudo

Abril / 2014

Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930
Site Auditado pelo IVC - Bahia Noticias

Enquete

Quais serão os reflexos do caso Pasadena no cenário da política baiana?

Artigos

Aline Castelo Branco
Educação sexual evita violência

Veja mais