Após encontro com presidente, Félix não vota novamente denúncia contra Temer na CCJ
Foto: Cleia Viana/ Câmara dos Deputados

O posicionamento dos dois deputados federais baianos membros titulares da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara foi o mesmo na votação do novo parecer, que recomendou o arquivamento da denúncia por corrupção passiva contra o presidente Michel Temer, aprovado por 41 votos a 24 e uma abstenção. Jutahy Magalhães Jr. (PSDB) foi contra o relatório e defendeu o prosseguimento da denúncia, enquanto José Carlos Aleluia (DEM) votou a favor do arquivamento. O deputado Félix Mendonça Jr. (PDT) novamente não votou. Na quarta (12), o pedetista teve uma reunião com Temer. O encontro consta na agenda oficial do presidente.

Histórico de Conteúdo