Bahia Notícias apresenta Rádio RBN Digital como nova ferramenta de comunicação online
Foto: Jamile Amine / Bahia Notícias

A Rádio RBN Digital estreia oficialmente nesta segunda-feira (22) como uma nova opção de entretenimento e informação. A nova rádio digital levará aos ouvintes música de qualidade e informações atualizadas, a cada hora, sobre tudo que acontece de mais importante na Bahia, no Brasil e no mundo. Disponível na web (acesse aqui) e para dispositivos com Android (baixe aqui) e iOS (baixe aqui), a RBN Digital trará ainda dicas sobre estética, automóveis, saúde, literatura e cinema, entradas ao vivo para informações urgentes e comentários políticos feitos pelo jornalista e editor-chefe Fernando Duarte, sempre às 7h. A equipe de jornalismo do Bahia Notícias amplia ainda mais seus horizontes, para garantir a informação dos nossos leitores e ouvintes onde quer que estejam, a apenas um clique de distância. “O Bahia Notícias, como sempre na vanguarda, evolui no campo digital, levando nossa experiência no jornalismo a partir da internet”, garante o sócio-diretor do BN, o jornalista Samuel Celestino. “Há 11 anos, o Bahia Notícias surgiu como um desafio e hoje virou realidade. A RBN Digital é um novo passo da nossa história e já nasce grande. Tenho certeza de que o futuro continua na internet", completa Ricardo Luzbel, sócio-diretor executivo dos empreendimentos, que integra a história da mídia baiana com participação em TVs, rádios e site. Aos fins de semana, uma programação especial levará aos ouvintes conteúdos como “Na Pista com DJ Wilson” e "Time Machine", com Fabrício Lopes falando sobre sucessos dos anos 80/90 e aos sábados, o programa "#Fica a Dica", com Diego Barone falando sobre música, tecnologia, cinema e games. Responsável pela programação da RBN Digital, DJ Wilson explica que as rádios DAB (Digital Audio Brodcasting) têm áudio 100% digital, o que garante a qualidade do que se ouve. “A RBN utiliza a taxa mais alta de transmissão. Com isso, temos um som cristalino, sem chiados”, conta. O aplicativo da rádio também vai permitir que qualquer pessoa com uma conexão de internet ou com pacote de dados para mobiles tenha acesso à programação. “Com a nossa rádio online, basta usar o wi-fi ou internet móvel para ter acesso ao conteúdo. Para ouvir no carro, é só utilizar o sistema de bluetooth”, lembrou. A Noruega, país pioneiro na instalação de rádios digitais, iniciou em 2017 o processo de desligamento completo das emissoras analógicas e hoje já é 100% digital. No Brasil, o ramo já tem chamado a atenção de grandes empresas e até mesmo do mercado publicitário: segundo o Interactive Advertising Bureau (IAB), a receita de publicidade digital nos Estados Unidos chegou a US$ 72,5 bilhões em 2016, alta de quase 22% em relação ano anterior. No período, de acordo com o relatório da PricewaterhouseCoopers, a propaganda em mobile ultrapassou os investimentos em desktop, assim como todo o digital superou o investimento na TV pela primeira vez. Em 2016, o áudio digital ultrapassou US$ 1,1 bilhão em receita de publicidade. Se os investimentos cresceram, o número de ouvintes não fica atrás. De acordo com o diretor-geral da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e TV (Abert), Luis Roberto Antonik?, em entrevista ao site Propmark, a audiência das rádios aumentou, principalmente em relação aos ouvintes que acompanham os conteúdos pelo computador, carro ou celular. Com isso, afirma, a receita do setor conseguiu superar a crise econômica e manter o número de anunciantes.

Histórico de Conteúdo