Juazeiro: Polícia ainda não associa sumiço de garota a jogo 'Baleia Azul'
Foto: Reprodução / Blasting News

A polícia Civil de Juazeiro, no Sertão do São Francisco, não associou o desaparecimento de uma adolescente ao jogo Baleia Azul. A informação foi confirmada pela delegada Lígia Nunes, coordenadora da 17ª Coordenadoria Regional de Juazeiro (Coorpin), nesta quinta-feira (20). Familiares da adolescente Ana Vitória Sena de Oliveira, de 15 anos, acreditam que a garota desapareceu por conta do jogo (ver aqui). Eles viram mensagens no celular da menina com posts sobre o jogo. A competição impõe desafios e chega a sugerir suicídio para os participantes. Ao A Tarde, a delegada Ana Vitória informou que ainda não há “indicativo” de que o jogo tenha provocado o sumiço da garota. A adolescente está desaparecida desde a segunda (17). Ela chegou a deixar uma carta de despedida para a família, onde diz que iria se jogar da ponte entre Juazeiro e Petrolina.

Histórico de Conteúdo