Barreiras: Perito que matou mulher e se matou usou armas dele e de vítima, diz delegado
Foto: Reprodução / Blog do Sigi Vilares

O homem que matou a mulher em Barreiras e avisou sobre o ocorrido pelo WhatsApp usou duas armas, a dele e a da vítima, para cometer o crime (ver aqui). As armas eram uma pistola ponto 40 e outra pistola 380. A mulher Dirce Ladeia, de 35 anos, era bombeira. Conforme o delegado Rivaldo Almeida Luz, em informação ao G1 nesta terça-feira (26), o perito do Departamento de Polícia Técnica (DT) Orlando Ladeia, de 41 anos, também matou os dois cachorros da família no mesmo ato. No sábado (23), Orlando matou Dirce Ladeia a tiros. Após assassinar a mulher, o perito se matou. Segundo o delegado, as armas usadas no crime já foram apreendidas e encaminhadas para o DPT de Barreiras, onde passarão por perícia. O delegado também informou que o perito fazia acompanhamento psiquiátrico. 

Histórico de Conteúdo