Terça, 21 de Novembro de 2017 - 11:20

Remanso: Ex-prefeito e presidente da Câmara são presos por desvios de R$ 13 milhões

por Francis Juliano

Remanso: Ex-prefeito e presidente da Câmara são presos por desvios de R$ 13 milhões
Foto: Reprodução / Blog do Geraldo José

O ex-prefeito de Remanso, no norte baiano, Celso Silva e Souza, o irmão dele, ex-secretário de administração Arismar Silva e Souza, o atual presidente da Câmara, Cândido Francelino de Almeida, e mais cinco vereadores foram presos na manhã desta terça-feira (21). Além deles, são alvos da ação ex-vereadores, servidores públicos e um empresário. Segundo o Ministério Público do Estado (MP-BA), todos eles são acusados de organização criminosa dentro da “Operação Carro Fantasma”. Conforme o MP, os acusados são suspeitos de fraude em contratos e licitações feitas no período de 2013 até o ano passado, período da administração de Celso Silva e Souza. O rombo desviado pelo grupo gira em torno de R$ 13 milhões. Ainda conforme o MP, os contratos eram feitos através da empresa JMC Construtora, Comércio e Serviços Ltda, que tem como sócio-administrador o empresário José Mário da Conceição, o Mazinho, também alvo de prisão preventiva. Muitos veículos sublocados pela empresa, acrescenta a acusação, estavam em nome de “laranjas” e beneficiavam vereadores e outros políticos. Os promotores de Justiça ainda afirmam que o dinheiro da prefeitura foi usado para gastos particulares, dívidas de campanha e compra de apoio político. Também foram apreendidos documentos, celulares, computadores e veículos de luxo. Ao todo, foram cumpridos 12 mandados de prisão preventiva, seis de condução coercitiva e 18 de busca e apreensão.

Histórico de Conteúdo