Bahia

E. C. Bahia


Mais experiente, Bahia enfrenta o Vitória no primeiro Ba-Vi do ano

Com uma dose a mais de mistério, após dois treinamentos com os portões fechados para imprensa, o 'novo' Bahia enfrenta o Vitória na tarde deste domingo (1º), no Barradão, no primeiro clássico da temporada de 2015.

Veja mais

Veja mais

Entrevistas

Drubscky vê Mansur como ‘jogador de futuro’, explica saída de Rômulo e prevê evolução do time

O técnico Ricardo Drubscky, do Vitória, vê o lateral-esquerdo Mansur como um atleta de futuro, apesar das críticas da torcida e parte da imprensa. “O Mansur é um jogador de futuro, mas tem um peso grande na participação dele e isso pode prejudicar ele no Vitória. Vamos tentar dentro do possível, trabalhar para que ele realmente consiga fazer o melhor dele e ajudar a equipe”, disse ao Bahia Notícias. O comandante Rubro-Negro ainda explicou a não permanência do atacante Rômulo, cedido ao Santo André-SP. Segundo o treinador, o atleta é bom tecnicamente, mas tem pouca competividade. “Ele é um jogador com muita boa técnica, virtuoso tecnicamente, mas com pouca competitividade”, analisou. Drubscky fez questão de elogiar o elenco e projeta evolução no desempenho. “É um elenco de qualidade e o clube dá condições de trabalho. E é torcer com o tempo que nós tempos, a gente consiga encaixar as peças, fazer os resultados e fazer o time jogar, para que o trabalho apareça e evolua”, comentou.

Veja mais

Curtas do Esporte

Curtas do Esporte

O quase-ex-boleiro Arlindo de Almeida volta com polêmicas no Curtas de Esporte. Por que certos setoristas do Vitória têm passe livre e outros não têm? E por que nenhum deles tem direito a lanche durante os treinos da manhã? E mais: no Bahia, tem mutirão de processos trabalhistas! Confira nas Curtas e Venenosas do Esporte!

Veja mais

Terça, 10 de Dezembro de 2013 - 09:00

Vasco entra com recurso no STJD para conseguir pontos de jogo contra Atlético-PR

Vasco entra com recurso no STJD para conseguir pontos de jogo contra Atlético-PR
Foto: Giuliano Gomes / Gazeta Press
O Vasco ainda tenta se salvar do rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. Se não há mais possibilidade dentro de campo, o time carioca busca na Justiça conseguir os três pontos da partida contra o Atlético-PR, no último domingo (8). A partida ficou parada por 77min por conta de uma briga generalizada entre os torcedores dos dois times na arquibancada da Arena Joinville. Por isso, o Alvinegro se baseará no artigo 9 do regulamento geral de competições, que prevê até 60 minutos de espera antes de um jogo ser cancelado, para entrar com um recurso no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).
 
O vice-presidente de futebol do Vasco, Ercolino de Luca, destacou que a ideia é ter a equipe carioca como vencedor da partida, com 3 a 0 no placar, e afirmou que, pela cúpula do clube, a partida não teria continuado. O duelo terminou 5 a 1 para os rubro-negros. 
 
"O jurídico já analisou tudo e vamos entrar com recurso nesta terça-feira. O recurso é porque o árbitro recomeçou o jogo após mais de uma hora. Na verdade, uma hora e dezessete minutos. Então a ideia é que o Atlético, como mandante, perca os pontos e o Vasco ganhe, como uma vitória de 3 a 0", disse.

Caso consiga a vitória na Justiça, o Vasco somaria 47 pontos e, com isso, ultrapassaria o Fluminense e o Criciúma. Dessa forma, o time catarinense seria rebaixado no lugar do clube cruzmaltino. Já o Atlético-PR voltaria para 61 pontos e cairia para o quarto lugar na tabela do Campeonato Brasileiro, sem vaga direta na próxima Copa Libertadores.

Comentar

   

Histórico de Conteudo

Março / 2015

Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Multimídia

Enquete

O que você achou da contratação de Ricardo Drubscky pelo Vitória?