‘Para nós é um privilégio de estar na Bahia’, diz Roberto Carlos no projeto ‘Emoções’
Foto: Jamile Amine / Bahia Notícias
“Meu negócio não é falar. Quero dizer nesse show tudo que penso e sinto por vocês”. Assim se dirigiu à plateia o cantor e compositor Roberto Carlos, nesta quinta-feira (16), durante a segunda noite de apresentações do projeto “Emoções”, realizado no Iberostar Praia do Forte. Após mais de uma década levando o formato pelos mares em seus tradicionais cruzeiros, este ano o Rei pisou firme em com seu repertório de sucessos. A escolha do local para este ano é bem simples, mas cheia de adjetivos. “A Bahia é linda né? A Bahia é uma maravilha! Com certeza a gente pensou em muitos lugares para fazer esse projeto que não fosse navio, a Bahia ganhou. Na realidade para nós é um privilégio de estar na Bahia. Não é privilégio da Bahia não, é privilégio nosso”, disse o cantor, que anunciou o retorno do “Emoções” ao mar em 2018, mas deixando uma pista de que pode voltar também a se apresentar no estado.
 
Como nas apresentações para o ambiente requintado dos cruzeiros, o show de Praia do Forte levou um público semelhante, formado em sua maioria por mulheres acima dos 60 anos com seus vestidos de festa. A plateia cantou e dançou ao som de clássicos de Roberto Carlos, que abriu o show, como de costume, com a canção que dá nome ao projeto. Em seguida ele e sua super banda embalaram o público ao som de “Como Vai Você”, “Além do Horizonte”, “Ilegal, Imoral ou Engorda”, “Detalhes”, quando fez uma interpretação intimista ao violão, além de “Outra Vez”, “Lady Laura” e “Quero Que Vá Tudo Pro Inferno”, com direito à palavra por muito tempo impedida de ser dita pelo problema de TOC.
 

Roberto cantou canção gravada com Jeninifer Lopez | Foto: Jamile Amine / Bahia Notícias
 
“Tem dias que olho para a plateia e me dá vontade de cantar essa canção para alguém em particular”, disse Roberto antes de executar a romântica “Olha”. O show contou ainda com “Sua Estupidez”, “Esse Cara Sou Eu”, e até uma adaptação para o dueto “Chegaste”, gravado com Jennifer Lopez. Roberto Carlos fazia sua voz ao vivo, intercalada com a da cantora, enquanto imagens do videoclipe gravado por ambos aparecia no telão. Um dos pontos fortes da apresentação foi o brinde proposto pelo artista, ao som de “Champagne”. Na sequência mais dois hits, “Como é Grande o Meu Amor Por Você” e “Jesus Cristo”, última música do show e a sua tradicional entrega de rosas

Histórico de Conteúdo